sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Pátria que me Pariu - Gabriel, o pensador

PAÍSES ONDE A AMI E FERNANDO NOBRE ESTIVERAM


PAÍSES ONDE A AMI E FERNANDO NOBRE ESTIVERAM E ESTÃO NO EXERCÍCIO DE SOLIDARIEDADE, APOIANDO PESSOAS VÍTIMAS DE GUERRAS E CATÁSTROFES NATURAIS.


1- Afeganistão. 2-Austrália.3- Benin.4- Brasil.5- Chile.6- Cabo Verde.7- Croácia.8- Geórgia.

9- Honduras.10-Equador.11-Indonésia.12-Jordânia.13-Libéria.14-Mali.15-Palestina.16-Perú.

17-Portugal.18-República Centro Africana.19-Roménia.20-Senegal.21-Sudão.22-Venezuela.

23-Angola.24-Azerbeijão.25-Burkina Faso.26-Camarões.27-China.28-Estados Unidos.

29-Guiné-Bissau. 30-Índia.31-Irão.32-Kosovo.33-Macedónia.34-México.35-Nepal.

36-Panamá.37-Quénia.38-República Democrática do Congo. 39-Ruanda.40-Somália.
41-Timor Lorosae.42-Ucrânia.43-Zimbabué.44-Argélia.45-Bangladesh.
46-Bósnia Herzegovina.47-Burundi.48-Chade.49-Colômbia.50-El Salvador.51-Filipinas.
52-Haiti.53-Ilhas Fidji.


54-Iraque.55-Líbano.56-Malásia.57-Moçambique.58-Nicarágua.59-Paquistão.
60-República Árabe Saraui.61-Coreia do Norte.62-São tomé e Príncipe.63-Sri Lanka.
64-Tailândia.65-Uganda.

AMI, UMA EQUIPA DE CORAGEM!


A AMI NÃO SE FICA PELA DEMAGOGIA DAS PALAVRAS!


A AMI FAZ!


A AMI CORRE RISCOS!


ALGUNS DOS SEUS MEMBROS JÁ MORRERAM PARA SALVAR PESSOAS!


A AMI É SOLIDÁRIA, NÃO POR DINHEIRO MAS PORQUE À SUA FRENTE ESTÃO CIDADÃOS DESPROTEGIDOS, DE TODAS AS CORES, DE TODOS OS CREDOS POLÍTICOS E RELIGIOSOS!


E FAZ TUDO ISTO DE MODO GRATUITO!


A AMI NÃO SE MISTUROU COM O BPN!


A AMI NÃO TEM CASAS EM URBANIZAÇÕES ESCONDIDAS E ESTRANHAS!


A AMI NÃO FOGE AOS IMPOSTOS!


A AMI NÃO TEM LUCROS DE 140%, COMO CAVACO!


A AMI NÃO IVENTA DESCULPAS PARA NÃO FAZER!


A AMI NÃO ENRIQUECE COM A DESGRAÇA ALHEIA!


A AMI NÃO MENTE!


A AMI NÃO PROMETE. FAZ!


A AMI É GRANDE, LEVA O NOME DE PORTUGAL, POR BOAS E NOBRES RAZÕES, PARA TODO O MUNDO.


A AMI TEM O RESPEITO DAS PESSOAS DE BEM!

Fernando Nobre: Nilton é Mandatário Nacional para a Juventude - Discurso

Biografia Fernando Nobre 6 - RTP

Biografia de Dr.Fernado Nobre - Parte 5

Biografia de Dr.Fernando Nobre - Parte 4

Biografia de Dr.Fernando Nobre - Parte 3

UM TIRO NO CANDIDATO FERNANDO NOBRE


PARECE QUE OS POLÍTICOS DO REGIME ESTÃO EM PÂNICO.

AGORA DERAM EM AMEAÇAR FERNANDO NOBRE COM UM TIRO NA CABEÇA.
ESTÚPIDOS! NÃO SABEM QUE O POVO VOTA EM HERÓIS?

VAMOS VOTAR NO NOSSO PATRÍCIO

PORTUGUESES DE ANGOLA, DE MOÇAMBIQUE, DE CABOVERDE, DA GUINÉ-BISSAU, VAMOS VOTAR NO NOSSO PATRÍCIO PARA PROVAR QUE TODOS JUNTOS SABEREMOS DAR UMA VOLTA A ESTE PAÍS!
PORTUGUESES DE PORTUGAL, SIGAM O NOSSO EXEMPLO E DEIXEM DE TER MEDO!

VOTA FERNANDO NOBRE

OS NOSSOS PAIS VOTAM EM FERNANDO NOBRE. É UM HOMEM HONESTO, SOLIDÁRIO COM PROVAS DADAS EM TODO O MUNDO. NÃO SE FICA PELAS PALAVRAS, FAZ.

NÃO HIPOTEQUES O MEU FUTURO!

NÃO HIPOTEQUES O MEU FUTURO VOTANDO CAVACO.
O MEU PAI VOTA NOBRE, O GAJO DA AMI

AGORA PERCEBO PORQUE CAVACO TEM TANTAS INTENÇÕES DE VOTO.

PORTUGAL E OS CIDADÃOS DE PRIMEIRA

Por António de Sousa Duarte

Expresso - 12 de Janeiro de 2011


As mortes de Vítor Alves, capitão de Abril, e do cronista cor-de-rosa Carlos Castro mostram algumas evidências sobre o país.
Separadas por escassas horas, as mortes do coronel Vítor Alves, "capitão de Abril", e do cronista "cor-de-rosa" Carlos Castro tiveram o condão de fazer notar uma vez mais algumas evidências sobre Portugal e os portugueses que nunca será de mais destacar. Na verdade, mesmo admitindo as macabras circunstâncias em que Castro foi assassinado e os requintes de malvadez de que foi aparentemente vítima, não parece normal que tal facto tenha merecido tão esmagadoramente maior espaço mediático do que o desaparecimento de um dos principais símbolos da Revolução do 25 de Abril de 1974 e destacado operacional da construção
do processo democrático.
Vítor Alves faleceu domingo, cerca de 36 horas depois da morte, em Nova Iorque, de um colunista social conhecido por se dedicar há décadas a analisar os factos da actualidade "cor-de-rosa" nacional.
Considerado em muitas das biografias espontâneas que dele nos últimos dias chegaram ao nosso conhecimento como "um cidadão de primeira", Vítor Alves foi um homem probo, sério, rigoroso, sensível que contribuiu de forma decisiva - antes e depois do dia 25 de Abril de 74
- para o actual regime democrático em Portugal. Vítor Alves, que integrou, com Vasco Lourenço e Otelo Saraiva de Carvalho, a comissão coordenadora e executiva do MFA (Movimento das Forças Armadas), foi o autor do primeiro comunicado dirigido à população no dia 25 de Abril e
o militar que foi o porta-voz do Movimento. Mas as exéquias mediáticas de Vítor Alves foram curtas, muito curtas, se levarmos em conta a importância do seu legado e o impacte informativo que outros factos da actualidade suscitaram e de que é exemplo, sublinho, a vaga noticiosa relativa à morte de Carlos Castro.

O país trocou "um cidadão de primeira" por uma "história de segunda", mas o desiderato é positivo: chancela-se a morte do militar, político, ministro e conselheiro da Revolução em rodapés a correr e baixos de página e atribuem-se honras de Estado... mediático ao assassinato do cronista (não cronista social como alguns lhe chamam, como se Carlos Castro e Fernão Lopes fossem páginas do mesmo livro...) e às incidências macrotrágicas em que foi encontrado o seu corpo após alegada tortura, castração e assassinato. Mas a responsabilidade de todo este "estado a que - de novo e citando Salgueiro Maia - chegámos" não é do povo. Porque não é o povo que edita jornais, blocos noticiosos, telejornais ou sites. Nem é o povo o responsável por
Marcelo Rebelo de Sousa ter dedicado ontem, no Jornal da TVI, mais tempo de antena à morte de Carlos Castro do que ao desaparecimento de Vítor Alves.

Ex-jornalista, consultor de comunicação, doutorando em
Ciência Política

PORTUGUES MODERNO...CHEIO DE NOVAS OPORTUNIDADES!!!


A NOVA LÍNGUA PORTUGUESA


Desde que os americanos se lembraram de começar a chamar aos pretos 'afro-americanos', com vista a acabar com as raças por via gramatical, isto tem sido um fartote pegado!
As criadas dos anos 70 passaram a ' empregadas domésticas ' e preparam-se agora para receber a menção de ' auxiliares de apoio doméstico ' .
De igual modo, extinguiram-se nas escolas os ' contínuos ' que passaram todos a ' auxiliares da acção educativa '- em 2009/2010, são Assistentes Operacionais .
Os vendedores de medicamentos , com alguma prosápia, tratam-se por ' delegados de informação médica '.
E pelo mesmo processo transmudaram-se os caixeiros-viajantes em ' técnicos de vendas '.
O aborto eufemizou-se em ' interrupção voluntária da gravidez ';
Os gangs étnicos são ' grupos de jovens '
Os operários fizeram-se de repente ' colaboradores ';
As fábricas , essas, vistas de dentro são ' unidades produtivas 'e vistas da estranja são ' centros de decisão nacionais '.
O analfabetismo desapareceu da crosta portuguesa, cedendo o passo à ' iliteracia ' galopante.
Desapareceram dos comboios as 1.ª e 2.ª classes , para não ferir a susceptibilidade social das massas hierarquizadas, mas por imperscrutáveis necessidades de tesouraria continuam a cobrar-se preços distintos nas classes ' Conforto ' e ' Turística '.
A Ágata, rainha do pimba, cantava chorosa: «Sou mãe solteira ...» ; agora, se quiser acompanhar os novos tempos, deve alterar a letra da pungente melodia: «Tenho uma família monoparental ...» - eis o novo verso da cançoneta, se quiser fazer jus à modernidade impante.
Aquietadas pela televisão, já se não vêem por aí aos pinotes crianças irrequietas e «terroristas »; diz-se modernamente que têm um ' comportamento disfuncional hiperactivo'
Do mesmo modo, e para felicidade dos 'encarregados de educação' , os brilhantes programas escolares extinguiram os alunos cábulas ; tais estudantes serão, quando muito, ' crianças de desenvolvimento instável'.
Ainda há cegos , infelizmente. Mas como a palavra fosse considerada desagradável e até aviltante, quem não vê é considerado ' invisual '. (O termo é gramaticalmente impróprio, como impróprio seria chamar inauditivos aos surdos - mas o 'politicamente correcto' marimba-se para as regras gramaticais...)
As putas passaram a ser ' senhoras de alterne '.
Para compor o ramalhete e se darem ares, as gentes cultas da praça desbocam-se em ' implementações ', ' posturas pró-activas ', ' políticas fracturantes ' e outros barbarismos da linguagem.
E assim linguajamos o Português, vagueando perdidos entre a «correcção política» e o novo-riquismo linguístico.
Estamos lixados com este 'novo português'; não admira que o pessoal tenha cada vez mais esgotamentos e stress. Já não se diz o que se pensa, tem de se pensar o que se diz de forma 'politicamente correcta'.


E falta ainda esclarecer que os tradicionais " anões " estão em vias de passar a " cidadãos verticalmente desfavorecidos "...
Os idiotas e imbecis passam a designar-se por "indivíduos com atitude não vinculativa"
Os pretos passaram a ser pessoas de cor.
O mongolismo passou a designar-se síndroma do cromossoma 21.
Os gordos e os magros passaram a ser pessoas com disfunção alimentar .
Os mentirosos passam a ser "pessoas com muita imaginação"
Os que fazem desfalques nas empresas e são descobertos são " pessoas com grande visão empresarial mas que estão rodeados de invejosos "
Para autarcas e políticos, afirmar que "eu tenho impunidade judicial ", foi substituído por " estar de consciência tranquila ".
O conceito de corrupção organizada foi substituído pela palavra " sistema ".
Difícil, dramático, desastroso, congestionado, problemático, etc., passou a ser sinónimo de complicado .

E AINDA VAIS VOTAR CAVACO?


Cavaco está metido até às orelhas

É este o homem de confiança, que contribui para a união entre todos os portugueses? O que está sempre ao lado daqueles que, como ele, só veem cifrões à frente dos olhos e que agora apregoa com a maior desfassatez ser sério (como se quem realmente o é, pecisasse dizê-lo) e estar ao lado dos mais desfavorecidos.

É neste oportunista, de quem nem se ouve uma palavra sobre o efeito da crise em Portugal e que, muito ao contrário, tenta sempre alijar as suas responsabilidades e enterrar o Governo, envolvido e pactuante com os responáveis pelos roubos no BPN, que os portugueses vão votar no próximo domingo?

PENSEM BEM, AMIGOS!

ACHAM QUE É NESTE HOMEM QUE ESTÁ DO LADO DOS LADRÕES, O QUE DEFENDE AS POLÍTICAS QUE LEVARAM O MUNDO À MAIOR RECESSÃO DESDE 193O, QUE VAMOS VOTAR NO PRÓXIMO DOMINGO?

DE ENTRE OS CONCORRENTES, HÁ OUTRAS OPÇÕES BEM MAIS FAVORÁVEIS, QUE NÃO DEFENDEM, COMO ELE, OS PODEROSOS!!!

Cavaco está metido, até às orelhas, num negócio que prejudicou quase todos os portugueses, se ele fosse realmente o presidente de todos os portugueses teria feito de forma a serem todos prejudicados.

Vais votar Cavaco?

ver o vídeo

http://www.youtube.com/watch?v=PU7Aajs3sTQ

ALGUÉM ANDA A MENTIR ÀCERCA DA REFORMA DE MARIA CAVACO SILVA!

CADA CAVADELA UMA MENTIRA

Quem acredita que uma Professora da Católica receba uma reforma de 800 Euros, Será que a Católica está a fugir ao Fisco? Aproveito para escrever a declaração de rendimentos desta Senhora que ao contrário do habitual, declarou os seus rendimentos pessoais na declaração do
marido feita em 14/12/2010

DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS DE MARIA CAVACO SILVA: CONTA À ORDEM NO BCP
882022 ( 1ª TITULAR ) 21.297,61 EUROS .
ACÇÕES NO BPI 6287 - ACÇÕES NO BCP 70.475 - BRISA
500 - COMUNDO 12 - ZON 436 - JERONIMO MARTINS 15.000
DEPOSITO A PRAZO 350.000,00 EUROS VENCIMENTO 04/04/2011
OBRIGAÇÕES -BCP FINANCE 330 UNIDADES JUROS PERPÉTUA 4.239%
FUNDOS DE INVESTIMENTO FUNDO AVACÇÕES DE PORTUGAL 2.340 UNIDADES MILLENIUM EURO CARTEIRA 4.324.138 UNIDADES
POJRMF FUNDES EURO BAND EQUITY FUND118.841.510 UNIDADES.
PPR 52.588,65 EUROS.

BPI CONTA Nº 60933.5 DEPÓSITO À ORDEM 6.557 EUROS - DEPÓSITO A PRAZO
140.000,00 JURO 2,355% VENCIMENTO 21/02/2011 - 70.000.00 EUROS JUROS
2.355% VENCIMENTO 20.03.2011.

Para uma reformada de 8oo euros esta poupança é bestial, e como o MARIDO ANDA PELA TELEVISÃO A DIZER QUE PERDEU MUITO DINHEIRO COM AS ACÇÕES DO BPN, AQUI ESTÁ UMA VERDADEIRA INVESTIDORA E O MARIDO É UM BURRO DO POÇO DE BOLIQUEIME.

ESTA GENTE NÃO TEM VERGONHA. NÃO PERCEBEU AINDA QUE HOJE NADA SE CONSEGUE ESCONDER DO FARO DOS JORNALISTA?
CADA CAVADELA UMA MENTIRA.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Gabriel o Pensador - Pega Ladrão

Gabriel, O Pensador - Dança do Desempregado

CRIANÇA PORTUGUESA

NÃO ME DESTRUAM OS SONHOS, NÃO VOTEM CAVACO!

CRIANÇAS DO KOSOVO

QUANDO FOI PRECISO, FERNANDO NOBRE E A AMI MARCARAM PRESENÇA COM A SUA AJUDA!

CRIANÇA DA INDONÉSIA

FERNANDO NOBRE E A AMI TAMBÉM ESTIVERAM AQUI!

CRIANÇA DE MOÇAMBIQUE

OBRIGADO A FERNANDO NOBRE E À AMI PELA AJUDA QUE NOS DÃO!

CRIANÇA DO HAITI


FERNANDO NOBRE DA AMI ESTEVE AQUI QUANDO O TERRAMOTO TUDO DESMORONOU.

Biografia de Dr.Fernando Nobre - Parte 2

HUMOR EM TEMPO DE CRISE (só para portugueses)


Haverá um dia em que todos voltaremos a ser felizes!!!!!!!

Haverá um dia em que todos voltaremos a ser felizes, quando :

OS SÓCRATES, FOREM APENAS FILÓSOFOS

OS ALEGRES, APENAS CRIANÇAS

OS CAVACOS, APENAS INSTRUMENTOS MUSICAIS

OS SO ARES, APENAS GASES

OS PASSOS, APENAS OS DE DANÇA

OS COELHOS, APENAS AS DA PLAYBOY

Até lá, ... paciência, muita paciência ! ... ... ... ... ... ...

NOITE DE MÚSICA PRETA BRASILEIRA


Noite de Música Preta Brasileira com Dj Black Josie - CAL - 20/01 de 2011 22 horas


SetorCultural (Setor.Cultural2@embaixadadobrasil.pt)

A Embaixada do Brasil em Lisboa tem o prazer de encaminhar a divulgação em anexo.


NOITE DE MÚSICA PRETA BRASILEIRA COM O DJ BLACK JOSIE - CAL na casa america latina

Outros Contactos:
Av. 24 de Julho, 118 - B
1200-871, Lisboa, Portugal

Tel: +351 213947356
Tel. Geral: +351 213 955 309
geral@casamericalatina.pt
http://www.casamericalatina.pt/
http://www.facebook.com/casamericalatina

TRANSPLANTE DE MEDULA



Sou funcionária da Caixa Geral de Depósitos e venho pedir a vossa ajuda e boa vontade:
Há quase 4 anos adoptei um casalinho de irmãos, agora ele com 7 anos e ela com 9 anos.
Com ele está tudo bem, mas com ela estamos com problemas: além de diabética insulinodependente, agora apareceu-lhe uma leucemia.
Está internada desde dia 13 de Dezembro de 2010 no Instituto Português de Oncologia em Lisboa.
Diagnosticada com leucemia linfoblástica aguda tipoB (que como nos disseram até não seria das piores, é já chamada de "trivial") teríamos um tratamento durante 2 anos com 80% de probabilidades de tratamento.
Mas, como decididamente ela nasceu sem a tal estrelinha da sorte,detectou-se que tem uma alteração genética no cromossoma filadélfia (21) que dificulta muito a entrada da quimioterapia que a minha filha tanto precisa.
Temos assim, bem mais tratamentos de quimioterapia pela frente, para fazermos o inevitável:TRANSPLANTE DE MEDULA


PRECISO QUE TODOS OS QUE QUISEREM, QUE PUDEREM SEJAM DADORES DE MEDULA
É dificíl encontrar um dador compatível, mas não é impossível!!!
Por favor, dirijam-se ao Instituto Português do Sangue ou através do Grupo de Dadores de Sangue e disponibilizem-se!!!
OBRIGADA e agradeço do fundo do coração.

Adelaide Sousa
maria.adelaide.sousa@cgd.pt
Por favor, encaminhem este mail para todos os vossos amigos e conhecidos.

Sérgio Godinho - "Elixir da Eterna Juventude"

SABES ONDE ENCONTRAR O ELIXIR DA ETERNA JUVENTUDE?


Dois homens, ambos gravemente doentes, estavam no mesmo quarto de hospital.
Um deles podia sentar-se na sua cama durante uma hora, todas as tardes, para que os fluidos circulassem nos seus pulmões.

A sua cama estava junto da única janela do quarto.
O outro homem tinha de ficar sempre deitado de costas.
Os homens conversavam horas a fio. Falavam das suas mulheres, famílias, das suas casas, dos seus empregos, dos seus aeromodelos, onde tinham passado as férias...
E todas as tardes, quando o homem da cama perto da janela se sentava,passava o tempo a descrever ao seu companheiro de quarto todas as coisas que conseguia ver do lado de fora da janela.

O homem da cama do lado começou a viver à espera desses períodos de uma hora, em que o seu mundo era alargado e animado por toda a actividade e cor do mundo do lado de fora da janela.

A janela dava para um parque com um lindo lago. Patos e cisnes, chapinhavam na água enquanto as crianças brincavam com os seus barquinhos. Jovens namorados caminhavam de braços dados por entre as flores de todas as cores do arco-íris. Árvores velhas e enormes acariciavam a paisagem e uma ténue vista da silhueta da cidade podia ser vislumbrada no horizonte.

Enquanto o homem da cama perto da janela descrevia isto tudo com extraordinário pormenor, o homem no outro lado do quarto fechava os seus olhos e imaginava as pitorescas cenas.

Um dia, o homem perto da janela descreveu um desfile que ia apassar:
Embora o outro homem não conseguisse ouvir a banda, conseguia vê-la e ouvi-la na sua mente, enquanto o outro senhor a retratava através de palavras bastante descritivas.

Dias e semanas passaram. Uma manhã,a enfermeira chegou ao quarto trazendo água para os seus banhos, e encontrou o corpo sem vida, o homem perto da janela, que tinha falecido calmamente enquanto dormia.

Ela ficou muito triste e chamou os funcionários do hospital para que levassem o corpo.

Logo que lhe pareceu apropriado, o outro homem perguntou se podia ser colocado na cama perto da janela. A enfermeira disse logo que sim e fez a troca.

Depois de se certificar de que o homem estava bem instalado, a enfermeira deixou o quarto.

Lentamente, e cheio de dores, o homem ergueu-se, apoiado no cotovelo, para contemplar o mundo lá fora. Fez um grande esforço e lentamente olhou para o lado de fora da janela que dava, afinal, para uma parede de tijolo!

O homem perguntou à enfermeira o que teria feito com que o seu falecido companheiro de quarto lhe tivesse descrito coisas tão maravilhosas do lado de fora da janela.

A enfermeira respondeu que o homem era cego e nem sequer conseguia ver a parede. Talvez quisesse apenas dar-lhe coragem...


O ELIXIR DA ETERNA JUVENTUDE ESTÁ NA CAPACIDADE DE SONHAR!

ATENÇÃO ÀS FACTURAS DA EDP!


Vá à loja da EDP ... e" dê cá o papel do Audio-Visual. Tenho
TVcabo.... pago 2 vezes... e não quero"

Já toda a gente reparou na factura DA EDP que recebe em Casa?
Contribuição Audiovisual pelo valor de 3.42 Euros???... e vai aumentar para Janeiro

E porque temos nós, portuguesinhos, de pagar isto??? Eu não pedi nada de Audiovisual... Estou a pagar porquê e para quem???

E para onde vai esse dinheiro???

E mais grave ainda. Porque é que as escadas de condomínios também pagam para os audiovisuais. Temos televisão quando subimos as escadas de Casa?

E outra, porque é que a casota de campo para apoio agrícola , também paga para os meios audiovisuais?

1 milhão de facturas dá mais de 3 milhões de Euros...
Onde anda esse dinheiro???
PARA PAGAR ORDENADOS MILIONÁRIOS AOS GESTORES E JORNALISTAS DA RTP!
Eles governam-se e os imbecis pagam!!

EXISTE UM DOCUMENTO NA EDP QUE VOCÊS PODEM PEDIR E PREENCHER, A NÃO
AUTORIZAR QUE A EDP FAÇA ESSA COBRANÇA.
ISTO JÁ EXISTE HÁ MUITO TEMPO, BASTA PREENCHER O DITO DOCUMENTO, N.º
DO CONTRIBUINTE E B.I., E JÁ ESTÁ!
NO MÊS SEGUINTE JÁ NÃO VEM O AUDIOVISUAL PARA PAGAR.

PORTUGUÊS, QUE O TEU VOTO SIRVA PARA ALGO!


PORTUGUESES, ESTE PAÍS PRECISA DE ACORDAR. PRECISA DE UMA REVOLUÇÃO. PRECISA DE VER ARREDADOS DO PODER AQUELES QUE SE TÊM SERVIDO DELE PARA BENEFÍCIO PESSOAL.
QUE O TEU VOTO SIRVA PARA ALGUMA COISA.
SIRVA PARA DESTRUIR AS CERTEZAS DAQUELES QUE SE JULGAM DONOS DE NÓS, DA NOSSA VONTADE.
NÃO TE DEIXES ENCANTAR COM DISCURSOS DEMAGÓGICOS.


NÃO TENHAMOS PRESSA MAS NÃO PERCAMOS TEMPO, TODA A VERDADE INSTALADA, MESMO AQUELA A QUE ADERI, É SUSPEITA (citação de José Saramago, o escritor que Cavaco Silva não queria que fosse Nobel e a cujo funeral não compareceu como competia a um Chefe de Estado e presidente de todos os portugueses) .
CARREGA NO LINK EM BAIXO E SEGUE O JOGO...NO DOMINGO, DIA DE ELEIÇÕES, JOGA-O TU.

Doideira espectacular!

http://www.youtube.com:80/watch_popup?v=qybUFnY7Y8w

VENDA DE VESTUÁRIO A BAIXO PREÇO - Divulguem a quem precisa‏


Amigos e Amigas,

Um grupo de amigos organiza, todas as quintas feiras no Rato (no anexo segue a morada) uma venda de roupa a muito baixo preço.

Elas necessitam de divulgar estas acções junto das populações mais carenciadas, e estão a pedir a ajuda de todos. A venda é de roupa (Adulto e criança) em bom estado a preços desde 0,50€.

A ideia é boa, mas parece que não está a chegar a quem realmente necessita por falta de informação. Ajudem a divulgar.

Se puderem ajudar, elas certamente agradecem. Os que mais necessitam não têm que agradecer (é nossa obrigação, dever, valor absoluto, tornar este mundo mais SOLIDÁRIO).

No Rato às quintas-feiras das 11h30 as 14h30.

M Adelina Amorim

(Presidente da ACLUS- Associação de Cultura Lusófona)

Passem a palavra!

HUMOR EM TEMPO DE CRISE


Desde já .... Anedota do ano !

sujeito entra num bar novo, hi-tech, e pede uma bebida. O barman é um robôt que pergunta:

- Qual o seu QI?

O homem responde:

- 150.

Então o robôt serve um cocktail perfeito e inicia uma conversa sobre aquecimento global, espiritualidade, física quântica, interdependência ambiental, teoria das cordas, nanotecnologia e por aí.

O tipo ficou impressionado, e resolveu testar o robôt. Saiu, deu uma Volta e retornou ao balcão. Novamente o robô pergunta:

- Qual o seu QI?

O homem responde:

- Deve ser uns 100.

Imediatamente o robô serve-lhe um whisky e começa a falar, agora sobre futebol, fórmula 1, super-modelos, comidas favoritas, armas, corpo DA mulher e outros assuntos semelhantes.

O sujeito ficou abismado. Sai do bar, pára, pensa e resolve voltar e fazer mais um teste. Novamente o robô lhe pergunta:

- Qual o seu QI?

O homem disfarça e responde:

- Uns 20, eu acho!

Então o robô serve-lhe uma pinga de tinto, inclina-se no balcão e diz bem pausadamente:

- E então companheiro, ouvi dizer que vais votar no CAVACO depois de todos os males que ele te fez. Já te esqueceste dos lucros pornográficos que teve com o BPN, do estranho caso da casa da Aldeia da Coelha, das escutas falsas? Sabes que foi Cavaco quem acabou com a nossa agricultura e as nossas pescas? Sabes que Cavaco é o pai do monstro que começou a destruir a economia portuguesa e anda a culpar os outros dessa responsabilidade? Muito feio!


E vais votar CAVACO?


És burro ou quê?

É PRECISO RESSUSCITAR A AGRICULTURA E PESCAS QUE CAVACO SILVA MATOU


EMBORA JÁ AQUI TENHAMOS FEITO ESTE APELO, NUNCA É DEMIAS REPETIR.
COMPRE PRODUTOS PORTUGUESES!
Eu já comecei a fazê-lo antes do Natal! Deixei por exemplo de comprar frutas, cebolas e batatas no hipermercado porque verifiquei que era tudo espanhol e francês! Agora compro sempre na frutaria perto de casa e até verifico que os preços são mais em conta! Outras coisas como mercearias, procuro as marcas portuguesas, com o tal 560 no código de barras, e embora por vezes sejam mais caras alguns centimos, têm merecido a minha preferencia porque de facto não conseguiremos saír do buraco se continuarmos a comprar fora o que devemos produzir cá!
Não podemos esperar que sejam sempre os outros a resolver os problemas, cada um deve fazer a sua parte dando também, pelo menos, um passo nesse sentido!

É preciso fazer a nossa parte


Afirmam alguns economistas que se cada português consumir 100€ de produtos nacionais (em vez de importados), a economia cresce acima de todas as estimativas e ainda cria postos de trabalho em Portugal!

Ponham a mensagem a circular, nem que seja a uma só pessoa, desde que circule. Quando for ao supermercado, dê preferência aos produtos de fabrico Português.

OS PRODUTOS PORTUGUESES COMEÇAM POR "560" NO CÓDIGO DE BARRAS.

LEVEM ISTO A SÉRIO E FAÇAM DISTO PARTE DA ROTINA DIÁRIA, TRANSMITA AOS SEUS FAMILIARES, AMIGOS OU COLEGAS, A TODAS AS PESSOAS QUE CONSEGUIR, E FICAMOS TODOS A GANHAR!

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Traz Outro Amigo Também - José Afonso

Biografia de Dr.Fernando Nobre - Parte 1

NÃO VOTES DE OLHOS FECHADOS

NÃO DEIXES QUE TE TAPEM OS OLHOS, OS OUVIDOS E A BOCA. NÃO IMITES O MACACO.
RASGA O PASSADO E A TRADIÇÃO E ESCOLHE UM CANDIDATO DESCOMPROMETIDO COM OS VÍCIOS DO PODER.
DÁ UMA BOFETADA EM TODOS AQUELES QUE VIVEM À CONTA DOS CONTRIBUINTES.
VOTA CONSCIENTEMENTE !

2ª VOLTA NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS PORTUGUESAS


EM NOME DA DEMOCRACIA EU JÁ FIZ A MINHA PARTE
PARA QUE HAJA 2ª VOLTA NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS
PORTUGUESAS.
E TU?
DE QUE TENS MEDO?


CONVITE DA EMBAIXADA DO BRASIL


A Embaixada do Brasil em Lisboa tem o prazer de encaminhar a divulgação em anexo.

Palestra "Temporalidades Coloniais" do Prof. Doutor Rodrigo Ricupero da USP - FCSH - 26/01‏
18/1/2011
26 de Janeiro de 2011, 18:00h.


Faculdade de Ciências Sociais e Humanas - Edifício I&D (sala multiusos 3, piso 4)


MANUEL ALEGRE E A CRIADA LÁ DE CASA


Após uma entrevista que deu no NOTÍCIAS SÁBADO' 220 de 27 de Março de 2010, fiquei com a sensação de que MANUEL ALEGRE sempre foi um "burguesote menino de Família".
O que me surpreendeu foi a falta de pudor e crítica com que descreve a sua iniciação sexual com a "CRIADA LÁ DE CASA"!!
Estas infelizes "criadas lá de casa" eram oriundas de famílias muito pobres, indo a maior parte das vezes trabalhar que nem escravas para casa dos SENHORES FEUDAIS, até só pela comida (quando não eram os restos), abusadas e iniciadas nestas lides sexuais, que eram consideradas naturais, como diz o poeta : "Não sei se choca, acho que é uma coisa natural por que muita gente passou..."Aqui é uma coisa normal, quase inocente." "A situação é vulgar à época e acontece com a criada lá de casa."
O espantoso, não é o ter acontecido!
É o despudor com que estes REVOLUCIONÁRIOS, que parecem ter na alma os genes da defesa do POVO, assumirem estas coisas!
Privei com Manuel Alegre na Assembleia da República, há alguns anos atrás, não como colega, mas no desempenho das minhas funções de jornalista. Sei de quem falo. Alegre é um aristocrata, tradicionalista, snob, arrogante e hedonista.
É o EU que impera na sua vida! Sempre foi.
Alegre gosta de se ouvir e tem a sorte de ter uma bonita voz, mas é só isso. Não tem hábitos de trabalho, nunca trabalhou, aliás, tem das mulheres um conceito machista e considera ser o melhor do mundo.
Esteve à frente em guerras importantes no PS, como a da co-incineração porque sabia que isso lhe dava palco, holofotes, luzes e TV. Ele é um homem de palco, onde cultiva a sua elevada auto-estima. Sempre esteve contra o sistema e contra tudo o que fosse difícil, sempre esteve onde estava a vox populi que causava admiração. Ele sabia que só isso lhe daria palco fácil. Ter as luzes sobre si por FAZER, CONSTRUIR coisas difíceis é mais complicado e menos apetecível para um aristocrata que gosta do ouro, da beleza dos salões, da caça e da pesca. Além do mais
ele não saberia como fazê-lo. Nunca soube. Optou pelo caminho do " eu nunca me calo". Fala dos instalados da política, mas o que é ele senão um instalado desde 1974? Porque não começa ele a dar o exemplo e dá o seu lugar a um jovem?
Por último, mas não menos importante, o que se pode pensar de um homem que nunca terminou a licenciatura em direito e deixa que o tratem por um título que não possui? Eu, na Assembleia, nunca o tratei por dr. porque não o é, apesar de saber que ele não gostava do Sr., é isso que é.
Senhor Manuel Alegre.
Se é que é Senhor..., porque para sê-lo é preciso ter Carácter e Obra.


Excertos de um texto de Miguel A. Fonseca
Advogado
Tel. +351 289 807 700 - Fax +351 289 807 701
Rua Doutor Francisco Sousa Vaz, n.º 18-A - Apartado 4018
8000-327 FARO
Correio electrónico alternativo: m.a.fonseca-275f@adv.oa.pt

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Sephardic Jewish Arabic Moroccan Gitano Flamenco song & dance Al-Andalus

Fado Tropical - Chico Buarque e Carlos do Carmo (subt. espanhol)

TV-AUDIÊNCIAS A TODO O CUSTO


CHOCANTES OS MÉTODOS UTILIZADOS PELAS TELEVISÕES NA SUA ÂNSIA DE CADA VEZ MAIORES AUDIÊNCIAS. AS ENTIDADES REGULADORAS DE DEFESA DOS CONSUMIDORES E DOS DIREITOS HUMANOS, DEVIAM FECHAR ESTES CANAIS E PRENDER OS JORNALISTAS QUE SE PRESTAM A TANTA VIOLÊNCIA.


video

ANGOLA-PROVÍNCIA DO ZAIRE


SIKAMA (Acordar, Despertar)

Por Makuta Nkondo

makutankondo@yahoo.com.br

Angola/“Remodelação” do Executivo:
A Província do Zaire continua a ser esquecida no Governo de Angola

A Província do Zaire continua a ser esquecida no Governo de Angola onde nenhum dos seus filhos exerce o cargo de ministro, embaixador, comandante da Policia nacional, contentando-se apenas com dois generais.

Para melhor esclarecimento, eis a seguir o quadro da posição política, económica e social da Província do Zaire.

AProvíncia do Zaire não tem nenhum ministro no Governo de Angola, apenas tem um vice-ministro, Sebastião Lukinda do MAPESS (Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social) que é natural de Mbanza-Kongo, aldeia Lambu, e um secretário de Estado da Construção, Joanes André, natural do Soyo.

Os vice-ministros e secretários de Estado são propostos pelos ministros titulares das Pastas, sendo elementos de sua confiança.

Na Defesa, a Província tem apenas dois generais, Pedro Sebastião, natural do Nzeto e proveniente das FAPLA (MPLA), e Ntonta, natural de Mbanza-Kongo, ex-ELNA (FNLA); não tem ninguém na direcção da Policia Nacional e nenhum Embaixador.

O Zaire conta somente com um Governador Provincial, o actual governador.

Mesmo na direcção do MPLA, o Zaire só tem Magalhães Paiva Mvunda e Pedro Sebastião no Bureau Politico (BP), pode ter alguém no Comité Central (CC), mas este é apagado e inexpressivo.

Ninguém do Zaire é funcionário sénior na Presidência da República, no Serviço de Segurança como SINFO que poderá ter mudado de nome. No Conselho da República tem um elemento na pessoa de Garcia Wanani, natural de Lambu, comuna de Luvu, e reverendo da Igreja Kimbanguista.

Os deputados à Assembleia Nacional (Parlamento) oriundos do Zaire ou pelo círculo Provincial são mudos e desconhecidos pelos “eleitores”, eles não mugem nem tugem. Quantos são e onde andam os ditos deputados pela Província do Zaire?

Como se pode facilmente concluir, a Província do Zaire não é tida nem achada no Governo do MPLA. O Zaire é completamente esquecido.

O Governador provincial e seus vice-governadores, assim como os administradores municipais e comunais são responsáveis locais que, numa verdadeira democracia, deveriam ser eleitos (escolhidos) pelas populações através das eleições autárquicas.

Na sequência da última “remodelação” do executivo, o Zaire foi contemplado com um terceiro vice-governador a quem foi encarregue a área técnica e de infra-estruturas.

A notícia foi recebida com cepticismo, tendo em conta que muitos governantes já desfilaram por lá, mas nenhum deles conseguiu dar luz, água, saúde e educação, em suma ninguém pensou melhorar as condições de vida das populações.

Contudo, é melhor fazer como São Tomé: ver para crer!

Senão, eis o quadro sombrio que o novo elenco governativo provincial é chamado a corrigir.
A Província do Zaire, juntamente com a de Cabinda, é um dos pulmões económicos de Angola, pois ambos produzem o Petróleo que contribui nas principais receitas de Angola, mas a terra de Ntotela (Rei, Imperador, Sultão, Farão, como quiser) não beneficia deste hidrocarboneto.

O Petróleo é produzido no litoral da Província, desde a comuna de Tabi no município de Ambriz ao Soyo, mas as refinarias foram construídas, uma em Luanda (pelo colono Português) e outra está em construção no Lobito, Província de Benguela.

A região de Ambriz foi desmembrada do Zaire e anexada à Província do Bengo, que foi criada em homenagem ao falecido António Agostinho Neto, Presidente do MPLA - no poder - e da República Popular de Angola (RPA).

O Petróleo vem do Zaire e Cabinda, em contrapartida o Instituto dos Petróleos foi construído na Província do Kwanza-sul.

Com o pretexto de guerra, a base logística dos Petróleos foi transferida da vila do Soyo para Luanda com a denominação de SONILS.

Sem exagero, no Zaire, mesmo o petróleo iluminante provem da vizinha República Democrática do Congo (RDC) e o gás de cozinha é desconhecido das populações.

Só agora é que se fala da construção no município do Soyo de uma indústria de exploração de gás através de um projecto denominado LNG. Aqui também prefere-se ver para crer o benefício que esta poderá dar aos habitantes “zairenses”, entende-se da Província do Zaire.

A Província do Zaire não tem nenhuma bomba de combustível. Os vestígios de bombas de combustíveis, assim como as novas, são permanentemente secos.

O combustível é adquirido através dos comerciantes ambulantes chamados por Kadafi, em alusão ao líder da Líbia, que é um país produtor dos petróleos.

Nem recauchutagem ou lojas de peças e acessórios para automóveis a Província tem.
Quem viaja para aquelas paragens, devem prevenir-se em levar o combustível e lubrificantes, com todos riscos possíveis.

Incrível, mas é verdade, a Província do Zaire não tem nenhuma estrada asfaltada; apenas agora se está a asfaltar a via que liga os municípios do Nzeto e Mbanza-Kongo. A obra dura anos e nunca mais acaba.

Pela Rádio, ouviu-se o SOS lançado pelo Bispo católico de Mbanza-Kongo, Dom Kiaziku, cuja viatura ficou presa na picada do Soyo de onde só saiu depois de ter sido socorrido por um camião de chineses.

Segundo os químicos, o asfalto provem do Petróleo, mas mesmo assim as estradas e ruas do Zaire são de terra batida.

Não vai a referida Província, pior ainda a Mbanza-Kongo, na estação seca, para evitar contrair a bronquite por inalação de poeira.

Aqui, a poeira é a tinta para os móveis e imóveis, desde os edifícios as viaturas e mesmo as pessoas.
Em algumas estradas como as de Luvu e Kuimba, mesmo circulando de dia, as viaturas acendem as luzes para evitarem colidir-se com outras devido a nuvens de poeira que se levanta.

A Província do Zaire não tem prédios e hotéis. Os únicos “prédio” são nomeadamente o Palácio do Governo Provincial com dois andares, o famoso “Hotel” Estrela, que não passa de uma pousada, também com dois andares.

Há uma nova estrutura hoteleira de alguns andares em construção na vila do Soyo, próximo da Rotunda e de um afluente do rio Zaire.

Também, a antiga Província do Kongo, baptizada por Zaire, carece de empresas nacionais; os únicos empregos existentes são, nomeadamente o MPLA, a função pública que se resume no Governo provincial e a administração local.

As populações optam pelas “empresas” privadas todas propriedades dos governantes, com raras excepções, e as multinacionais petrolíferas como a Texaco (Chevron-Texaco), Total, Petromar, a base logística dos Petróleos de de Kwanda (lê-se Kuandá, que significa longe, distante, em língua Kikongo), entre outras, que operam em terra (On Shore) e no mar (Off Shore) ao longo do litoral da Província.

No domínio da Energia e Água, a Província não tem redes públicas de abastecimento destes produtos indispensáveis à vida moderna. Com a excepção da vila do Noki que é abastecida com a energia eléctrica antes proveniente da barragem hidro-electrica de Mpozo, da República Democrática do Congo (RDC) desde o tempo colonial e hoje de Inga, o resto da Província está mergulhada numa escuridão infernal.

A luz e a água potável são completamente desconhecidas pela população autóctone da Província que recorre ao candeeiro a petróleo, esporadicamente ao gerador “Fofando” e os mais pobres a fogueira.
A Educação e a Saúde constituem outro quebra-cabeças para a Província. Ainda existem escolas que funcionam debaixo das árvores, sem quadro, giz e livros. O corpo docente do ensino médio é constituído maioritariamente por jovens formados na RDC, os chamados Langa, com dificuldades da língua de Camões.

Quadros superiores, licenciados e doutores, oriundos da Província são raros. Os poucos quadros superiores existentes são hostilizados na Província por parte dos governantes. Há uma desunião, uma clivagem, um fosso profundo, entre os “quadros” que se mantiveram na Província durante a guerra civil e os que residem fora, em especial em Luanda, ou melhor os da diáspora.

Com medo de perder o lugar, os “trabalhadores” residentes na Província consideram os filhos da terra com formação adequada como persona non grata. Os diplomas académicos são inválidos naquelas paragens.

Mesmo nas aldeias, a população do Zaire está profundamente dividida entre os fixados e os da diáspora, de um lado, e os membros do MPLA e os conotados com a oposição, pior ainda os que são acusados de apoiarem a UNITA, do outro lado.

Voltando a educação, há quem diz que os “professores” escrevem as vezes com carvão sobre um “quadro” feito de tronco de árvore. Recorde-se que a Província é rica em florestas densas produtoras de madeira.

Zaire não tem Universidade. Fala-se em um “Pólo de ensino superior” cuja direcção está em Cabinda. Verdade ou falso?

Quanto à saúde, existem edifícios em que são pintadas algumas cruzes vermelhas e chamados hospitais, com médicos vietnamitas – com que línguas atendem os doentes – e alguns nacionais. Mesmo assim, a quantidade de médicos, paramédicos e enfermeiros está longe de satisfazer a demanda. Os hospitais carecem de ambulâncias, camas, medicamentos e outro material essencial.
Na ausência de ambulância, os doentes são transportados de Kipoyo (Tchipoia) e a população recorre à medicina ancestral ou tradicional, a chamada Curandaria, como no tempo medieval.

A água potável é inexistente. A simples palavra de água potável parece ser desconhecida pelas populações locais que buscam este precioso líquido aos rios e poços.
A administração local, com a ajuda de organizações filantrópicas estrangeiras, abre poços para as comunidades, em particular as do litoral.

A água proveniente dos rios e poços é consumida bruta, sem qualquer tratamento.
A Província do Zaire é rica em recursos hídricos. A maioria das suas cidades, vilas e aldeias são banhadas pelos rios de grandes caudais.

As torneiras ou chafarizes são raros ou inexistentes nesta região setentrional de Angola.
A Província não tem um Estádio de futebol, nem qualquer outra estrutura desportiva. Dispõe actualmente de uma equipa de futebol que é a Académica do Soyo. Mas, atenção, esta equipa comporta-se mais como pertença exclusiva do Soyo que da Província do Zaire.

Também, o Zaire não tem Porto marítimo - existem dois pontes-cais, um no Soyo e outro na vila do Noki. No domínio aeroportuário, o Zaire conta apenas com dois aeroportos para aviões de grande porte, um no Soyo que se pensa ter sido construído por atender as empresas dos Petróleos, e não o desgraçado povo indígena, e outra é a pista segregacionista de Mbanza-Kongo que divide a “cidade” – com aspecto de uma sanzala grande – entre a área onde residem os assimilados e o bairro dos indígenas. É preciso contornar longitudinalmento a referida pista para circular de um lado ao outro.
A província do Zaire nem simples lojas e farmácias tem.

Com base neste resumo, pode concluir-se que a Província do Zaire não é tida nem achada no Governo do MPLA. “E mbua eyi nkento vo mbakala, eyi keyivuete ko?” (Não se questiona o sexo de um cão, pois este anda nú) – diz uma sabedoria Kikongo.

Oxalá que a nova estrutura governamental da Província consiga corrigir este quadro sombrio.

Makuta Nkondo

INSTITUTO PORTUGUÊS DE ONCOLOGIA


Mensagem do Dr. Daniel Pereira da Silva director do serviço de Ginecologia
do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Coimbra.

Caros Amigos e Amigas

Preciso da vossa ajuda. Assinem a petição para que o cancro do colo do útero venha a ser discutido no Parlamento Europeu, de modo a que os rastreios sejam uma realidade em todos os países, nomeadamente em Portugal, onde só existe na Região Centro.
Obrigado


http://www.cervicalcancerpetition.eu/


NÃO CUSTA NADA ENCAMINHAR
Por favor encaminhem este mail para os vossos amigos e amigas.
Obrigado!

A FOTO DE MAIOR RESOLUÇÃO: 26 GIGAPIXÉIS



Extraordinária foto de 26 Gigapixéis, o que constitui novo recorde mundial de resolução …

Para verificar a sua dimensão, carrega primeiro a foto panorâmica da cidade de Dresden e depois clica sobre cada uma das fotos pequenas, mais abaixo.

Utiliza também os comandos à esquerda das fotos pequenas.


http://www.dresden-26-gigapixels.com/dresden26GP

OSVALDO PICOITO

OLHA A SORTE A DO PORCO!



Se você ficar gritando por 8 anos, 7 meses e cinco dias, terá produzido energia sonora suficiente para aquecer uma xícara de café.

(Não parece valer a pena.)

Se você peidar constantemente durante 6 anos e 9 meses, terá produzido gás suficiente para criar a energia de uma bomba atômica.

(Agora sim!)


O coração humano produz pressão suficiente para jorrar o sangue para fora do corpo a uma distância de 10 metros .

(Uau!)

O orgasmo de um porco dura 30 minutos.

(Porque a natureza foi tão generosa logo com o porco?)

Uma barata pode sobreviver 9 dias sem sua cabeça até morrer de fome.

(Ainda não consegui esquecer o porco)

Bater a sua cabeça contra a parede continuamente gasta em média 150 calorias por hora.

(Não tente isso em casa; talvez no trabalho!)

O louva-deus macho não pode copular enquanto a sua cabeça estiver conectada ao corpo. A fêmea inicia o ato sexual arrancando-lhe a cabeça.

('Taí a origem do ditado: perde-se a cabeça por um bom ....')

A pulga pode pular até 350 vezes o comprimento do próprio corpo. É como se um homem pulasse a distância de um campo de futebol.

(Trinta minutos...que porco sortudo! Dá pra imaginar?)

O bagre tem mais de 27 000 papilas gustativas.

(O que é que pode haver de tão saboroso no fundo de um rio?)

Alguns leões se acasalam até 50 vezes em um dia.

(Que porco sortudo....qualidade é melhor que quantidade!)

As borboletas sentem o gosto com os pés.

(Isso eu sempre quis saber)

O músculo mais forte do corpo é a língua.

(Hmmmmmmmm...)

Pessoas destras vivem em média 9 anos mais do que as canhotas.

(E se a pessoa for ambidestra?)

Elefantes são os únicos animais que não conseguem pular.

(E é melhor que seja assim!)

A urina dos gatos brilha quando exposta à luz negra.

(E alguém foi pago para descobrir isso?!)

O olho de um avestruz é maior do que o seu cérebro.

(Conheço gente assim)

Estrelas-do-mar não têm cérebros.

(Conheço gente assim também)

Ursos polares são canhotos.

(Se eles começarem a usar o outro lado, viverão mais)

Seres humanos e golfinhos são as únicas espécies que fazem sexo por prazer.

(E aquele porco???)

Agora que você já deu pelo menos uma risadinha, é hora de mandar esses factos malucos para alguém que mereça rir também, ou seja... TODO MUNDO!


MAIS QUE SORTE A DO PORCO HEIN! HUEUEHUEHUEUHEHEH

EXERCITE O SEU INTELECTO


Você sabe o que está faltando no texto abaixo? Preste atenção e observe...está no mundo das ...
Sem nenhum tropeço posso escrever o que quiser sem ele, pois rico é o português e fértil em recursos diversos, tudo isso permitindo mesmo o que de início, e somente de início, se pode ter como impossível. Pode-se dizer tudo, com sentido completo, mesmo sendo como se isto fosse mero ovo de Colombo.

Desde que se tente sem se pôr inibido pode muito bem o leitor empreender este belo exercício, dentro do nosso fecundo e peregrino dizer português, puríssimo instrumento dos nossos melhores escritores e mestres do verso, instrumento que nos legou monumentos dignos de eterno e honroso reconhecimento

Trechos difíceis se resolvem com sinônimos. Observe-se bem: é certo que, em se querendo esgrime-se sem limites com este divertimento instrutivo. Brinque-se mesmo com tudo. É um belíssimo esporte do intelecto, pois escrevemos o que quisermos sem o "E" ou sem o "I" ou sem o "O" e, conforme meu exclusivo desejo, escolherei outro, discorrendo livremente, por exemplo, sem o "P", "R" ou "F", o que quiser escolher, podemos, em corrente estilo, repetir um som sempre ou mesmo escrever sem verbos.

Com o concurso de termos escolhidos, isso pode ir longe, escrevendo-se todo um discurso, um conto ou um livro inteiro sobre o que o leitor melhor preferir. Porém mesmo sem o uso pernóstico dos termos difíceis, muito e muito se prossegue do mesmo modo, discorrendo sobre o objeto escolhido, sem impedimentos. Deploro sempre ver moços deste século inconscientemente esquecerem e oprimirem nosso português, hoje culto e belo, querendo substituí-lo pelo inglês. Por quê?

Cultivemos nosso polifônico e fecundo verbo, doce e melodioso, porém incisivo e forte, messe de luminosos estilos, voz de muitos povos, escrínio de belos versos e de imenso porte, ninho de cisnes e de condores.

Honremos o que é nosso, ó moços estudiosos, escritores e professores. Honremos o digníssimo modo de dizer que nos legou um povo humilde, porém viril e cheio de sentimentos estéticos, pugilo de heróis e de nobres descobridores de mundos novos.


Descobriu?


Não???


Então aqui vai......



Não tem a letra A em nenhum lugar! Incrível.

TECNOLOGIA DE PONTA À VENDA BREVEMENTE

video

TOMATES, PRECISAM-SE!


HUMOR EM TEMPO DE CRISE


O Chefe para o empregado:

- Acreditas na vida depois da morte?


Empregado:
- Claro que não! Não existem provas disso - Respondeu ele.

O Chefe:
- Pois, mas agora existem. Depois de teres saído cedo ontem para ires ao funeral do teu tio, ele veio aqui à tua procura...

O DEPUTADO ESFOMEADO




Tiago Mesquita (http://www.expresso.pt/)




Pensava que nada me podia surpreender na política, mas eis que um deputado me acorda para a triste realidade: Portugal. O absurdo é o limite. O horizonte da estupidez ganha novos desígnios e contornos todo o santo dia. Ao deputado Ricardo Rodrigues dos gravadores junta-se agora o deputado Ricardo Gonçalves das refeições.
Se o primeiro meteu gravadores no bolso. Este afirma que o que lhe põem no bolso não chega para tudo, mesmo que seja um valor a rondar os 3700€/ mês. Uma miséria. "Se abrissem a cantina da Assembleia da República à noite, eu ia lá jantar. Eu e muitos outros deputados da província. Quase não temos dinheiro para comer" Correio da Manhã (vou fazer uma pausa para ir buscar uns kleenex...)
O corte de 5% nos salários irá obrigá-lo, como "deputado da província", a apertar o cinto e consequentemente o estômago, levando-o a sugerir com ironia mas com seriedade (!?) a abertura da cantina da AR para poder jantar. Uma espécie de Sopa dos Pobres mas sem pobres e sem vergonha. Só com políticos, descaramento e sopa.
"Tenho 60 euros de ajudas de custos por dia. Temos de pagar viagens, alojamento e comer fora. Acha que dá para tudo? Não dá" Valerá a pena acrescentar alguma coisa? Não me parece. Só dizer que as almôndegas que comi ao jantar não se vão aguentar no estômago durante muito tempo depois de ter feito copy/paste desta declaração
Mas continuando a dar voz ao Sr. Deputado: "Estamos todos a apertar o cinto, e os deputados são de longe os mais atingidos na carteira". Pois é, coitadinhos, andam todos a pão e água. Alguns são meninos para largar os bifes do Gambrinus.
Bem sabemos que os grandes sacrificados do novo pacote de austeridade do Governo vão ser os senhores deputados. Ninguém tinha dúvidas quanto a isto. E ajuda a explicar o "aperto de coração" que o Primeiro-Ministro sentiu ao ter de tomar estas "medidas duras". Sabia perfeitamente que ao fazê-lo estava a alterar os hábitos alimentares do Sr. Deputado Ricardo Gonçalves, o que é lamentável.
Que tal um regresso à província com o ordenado mínimo e um pacote senhas do Macdonalds? Ser deputado não é o serviço militar obrigatório. Pela parte que me toca de cidadão preocupado está dispensado. Não o quero ver passar necessidades.
Há quem sobreviva com pensões de valor equivalente a 4 dias de ajudas de custo do senhor deputado. Quem ganha o ordenado mínimo está habituado a privações, paciência. Agora com 3700€ por mês e 60€/dia de ajudas compreendo que seja mais difícil saber onde cortar. Podíamos começar por cortar na pouca-vergonha. Mas isso seria pedir demais.

O PALHAÇO


O palhaço

O palhaço compra empresas de alta tecnologia em Puerto Rico por milhões, vende-as em Marrocos por uma caixa de robalos e fica com o troco. E diz que não fez nada.
O palhaço compra acções não cotadas e num ano consegue que rendam 147,5 por cento. E acha bem. O palhaço escuta as conversas dos outros e diz que está a ser escutado. O palhaço é um mentiroso.
O palhaço quer sempre maiorias. Absolutas. O palhaço é absoluto.
O palhaço é quem nos faz abster. Ou votar em branco. Ou escrever no boletim de voto que não gostamos de palhaços.
O palhaço coloca notícias nos jornais.
O palhaço torna-nos descrentes.
Um palhaço é igual a outro palhaço. E a outro. E são iguais entre si.
O palhaço mete medo. Porque está em todo o lado. E ataca sempre que pode. E ataca sempre que o mandam. Sempre às escondidas. Seja a dar pontapés nas costas de agricultores de milho transgénico, seja a desviar as atenções para os ruídos de fundo. Seja a instaurar processos. Seja a arquivar processos. Porque o palhaço é só ruído de fundo.
Pagam-lhe para ser isso com fundos públicos. E ele vende-se por isso. Por qualquer preço. O palhaço é cobarde. É um cobarde impiedoso. É sempre desalmado quando espuma ofensas ou quando tapa a cara e ataca agricultores. Depois diz que não fez nada. Ou pede desculpa.
O palhaço não tem vergonha. O palhaço está em comissões que tiram conclusões. Depois diz que não concluiu. E esconde-se atrás dos outros, vociferando insultos.
O palhaço porta-se como um labrego no Parlamento, como um boçal nos conselhos de administração e é grosseiro nas entrevistas.
O palhaço está nas escolas a ensinar palhaçadas. E nos tribunais. Também.
O palhaço não tem género. Por isso, para ele, o género não conta. Tem o género que o mandam ter. Ou que lhe convém. Por isso pode casar com qualquer género. E fingir que tem género. Ou que não o tem.
O palhaço faz mal orçamentos. E depois rectifica-os. E diz que não dá dinheiro para desvarios. E depois dá. Porque o mandaram dar. E o palhaço cumpre. E o palhaço nacionaliza bancos e fica com o dinheiro dos depositantes. Mas deixa depositantes na rua. Sem dinheiro. A fazerem figura de palhaços pobres.
O palhaço rouba. Dinheiro público. E quando se vê que roubou, quer que se diga que não roubou. Quer que se finja que não se viu nada. Depois diz que quem viu o insulta. Porque viu o que não devia ver.
O palhaço é ruído de fundo que há-de acabar, como todo o mal. Mas antes ainda vai viabilizar orçamentos e centros comerciais em cima de reservas da natureza, ocupar bancos e construir comboios que ninguém quer. Vai destruir estádios que construiu e que afinal ninguém queria.
E vai fazer muito barulho com as suas pandeiretas digitais, saracoteando-se em palhaçadas por comissões parlamentares, comarcas, ordens, jornais, gabinetes e presidências, conselhos e igrejas, escolas e asilos, roubando e violando porque acha que o pode fazer. Porque acha que é regimental e normal agredir violar e roubar. E com isto o palhaço tem vindo a crescer e a ocupar espaço e a perder cada vez mais vergonha.

O palhaço é inimputável. Porque não lhe tem acontecido nada desde que conseguiu uma passagem administrativa ou aprendeu o inglês dos técnicos e se tornou político.
Este é o país do palhaço. Nós é que estamos a mais. E continuaremos a mais enquanto o deixarmos cá estar.
A escolha é simples. Ou nós, ou o palhaço.
MÁRIO CRESPO

OS VERDADEIROS ROSTOS DOS CANDIDATOS ÀS PRESIDENCIAIS

A TERNURA DO POETA ALEGRE


FERNANDO NOBRE O ROSTO DA AMI E DA SOLIDARIEDADE


FRANCISCO LOPES, O ELECTRICISTA DO PCP





























JOSE MANUEL COELHO, SÓ OS LOUCOS SÃO CAPAZES DO SONHO COMO BOLA COLORIDA ENTRE AS MÃOS DE UMA CRIANÇA














DEFENSOR MOURA, O RASTILHO DA VERDADE




AS RELAÇÕES SUSPEITAS DE CAVACO SILVA


CARTAZES DAS PRESIDENCIAIS EM PORTUGAL

MOURA O DEFENSOR DA VERDADE



VOTA MANEL POR UM PORTUGAL ALEGRE

VOTA NA NOBRE AMI PARA NÃO TERMOS UM HAITI AQUI


EM TEMPO DE VACAS MAGRAS VOTA COELHO À CAÇADOR


VOTA CAVACO PARA INCENDIAR PORTUGAL

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

A ESTRADA by Rodrigo Leao

CAVACO, UM MÍSERO PROFESSOR


UM MÍSERO PROFESSOR

http://www.youtube.com/watch?v=9bcaNXB5JmQ&feature=player_embedded

"EU ERA UM MÍSERO PROFESSOR, MINHA SENHORA" !?

Esta frase que escapa da boca de Cavaco Silva numa entrevista a uma jornalista amiga diz tudo sobre o pensamento político de Cavaco Silva, o seu carácter e o desprezo que nutre por uma importante classe profissional.

Era um mísero professor catedrático que se baldava às aulas na Universidade Nova enquanto as dava na Católica, beneficiando assim de dois ordenados enquanto alguns alunos ficavam sem aulas e prejudicavam a sua licenciatura.

Era um mísero professor catedrático de economia que nada sabia de aplicações de poupanças e desse negócio sabia tanto como um qualquer trolha.

Era um mísero professor que além de vencimento de topo na carreira dos professores ainda acumulava com pensões do governo e do Banco de Portugal.

É um mísero político que tem dos professores uma visão ofensiva para toda a classe e que não hesita em ofender milhares de portugueses só para se armar em ignorante num domínio em que não pode invocar ignorância.

É um mísero político que depois de exercer os mais altos cargos durante mais de quinze anos diz que não é político para não carregar com o estigma de uma classe de políticos corruptos, muitos dos quais foram invenção dele.

É um mísero professor que tem uma luxuosa casa de férias no Algarve.

É um mísero professor que não tem a mais pequena consideração pelos professores deste país, não hesitando em promovê-los a ignorantes para invocar ignorância economia, ele que foi doutorado em York, professor universitário, técnico do Banco de Portugal, primeiro-ministro e
Presidente da República.

É um mísero professor que nem tem consideração pela sua profissão e condição de professor doutorado, imagine-se em que conta deverá ter todos os outros portugueses.

É um mísero político que para conquistar a Presidência da República exibe os seus conhecimentos de economia e na hora de esconder a forma como obteve dinheiro fácil disfarça-se de mísero professor que nada sabe de acções.

Resta-nos esperar que os portugueses não escolham um mísero Presidente da República.



Pois é! Cavaco Silva foi o principal arquitecto do "sistema" que hoje temos: gestores, administradores, etc. a ganhar ordenados milionários e outras mordomias que, ainda por cima acumulam com outras pensões ou reformas do Estado em contraponto com ordenados de miséria. Quem é que lhe chamou o "Pai do Monstro" em grande entrevista ao Expresso no verão de 2004,? Lembram-se? Nem mais nem menos que o seu Ministro das Finanças de então: Miguel Cadilhe. Devem recordar-se dos milhares e
milhares de empregos que nos anos 80 até meados dos anos 90, foram criados para os seus correlegionários, enfim, todos os que tinham cartão laranja. Era o tempo dos milhões provindos da CEE, muitos dos quais destinados a formação profissional ou para subsidiar e
modernizar a agricultura, por exemplo. Qual foi o seu destino? Deram para encher os bolsos de muitos, para comprar automóveis topo de gama, barcos de recreio e...até apartamentos. Tudo menos para serem aplicados no fim a que eram destinados! Isto passou-se tudo nos governos de Cavaco Silva, que é o grande responsável pela péssima distribuição da riqueza no nosso País, manifestando-se, além disso, incapaz, em clima de estabilidade política ecom tanto dinheiro ao
disposição, incapaz de encetar as reformas que se impunham na administração pública, na Justiça, Ensino, Saúde e outros.Este é o "cancro" legado por Cavaco Silva, o que só olha para o seu umbigo!.

COITADO, CAVACO É UM AMNÉSICO!


Cavaco não se lembra...

Dum artigo da Visão

http://www.youtube.com/watch?v=K3T3g_e4RN0&feature=player_embedded