quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

COMENTÁRIO DE UM LEITOR DO ROMANCE "TAMBWE-A UNHA DO LEÃO"


Caro Autor e amigo (se me permite que o trate assim):

..... Depois dizer-lhe do que me traz aqui: o seu "Tambwe - A Unha do Leão", expectante que fiquei depois de assistir ao lançamento em Setúbal (belíssimo, digo eu!).

Primeiro quero afirmar que não concordo com a classificação de anti-herói atribuída por uma das intervenientes na apresentação do livro.

O Eugénio é um herói, sim, pelo menos para quem saiba, minimamente, o que é o pulsar africano. Um homem que tenha sido tocado e protegido por feiticeiros, tão bem delineados e descritos por si (experiência sua?) só pode ser um herói.

Realço a primeira metade da obra como a minha preferida, onde o fantástico brilha por entre as sombras fugidias da realidade. É ali que reside o feitiço que só africanos, brancos ou negros, podem entender, mesmo que não o saibam explicar, mas que existe.

Rejubilei com a (aparente) desordem da biblioteca do Eugénio, tão mal compreendida pela mulher, Madalena. Vi-me a mim ali reflectido e, quero crer, que o vi a si também.

Muitos parabéns pelo "Tambwe"! É de literatura que se trata, nestes tempos onde ela escasseia, apesar da proliferação de novos autores e novos livros.

E quero terminar com o seu final: é genial a ideia de Eugénio se juntar aos feiticeiros, seus mentores e protectores. O que os verdugos fuzilaram era apenas o corpo físico.

Bem haja pelos momentos de prazer que me trouxe a leitura deste livro. Agora irei debruçar-me sobre "A especiaria". Ambos terão lugar privilegiado na minha biblioteca, onde já vivem, tal qual a aparente confusão da biblioteca do Eugénio, cerca de quinhentos títulos com Angola dentro.

Um abraço fraterno.

Tomás Lima Coelho

http://maedseventosactividades.blogspot.com/2011/12/fotos-do-lancamento-do-livro-tambwe.html

CONSELHO CHINÊS - HUMOR EM TEMPO DE CRISE

HERÓI POR 300 EUROS


HERÓI POR 300 €

A notícia já correu o Mundo inteiro.

Seis tripulantes de um barco de pesca, o ‘Virgem do Sameiro’, de Caxinas, foram encontrados por um helicóptero EH-101 da Força Aérea e foram salvos pela tripulação do mesmo, nomeadamente por um Sargento-Ajudante (o recuperador - salvador), que pendurado num guincho, arriscou a sua vida em 6 subidas e descidas.

O panorama é inimaginável.

Um helicóptero no meio da imensidão do mar, com mar agitado, os pilotos tentando colocar o helicóptero na melhor posição (o que é dificílimo, tratando-se de um navio grande, quanto mais de uma simples balsa salva-vidas, a turbulência provocada pelas pás do aparelho, o recuperador - salvador a descer e a subir, a ter de recuperar um a um, estejam feridos ou não.

Parece algo de outro mundo, mas não é,... aliás, afinal é!

É algo do outro mundo, pelo menos do meu mundo, pois não tinha condições para o fazer.

É algo deste mundo, porque estes heróis da Força Aérea fazem-no diariamente, arriscando a sua vida para salvar outras vidas.

Muitas vezes fazem-no mas muito mais longe, a cerca de 150 km da costa. Se houver uma falha humana, uma avaria e o helicóptero cair, provavelmente morrerão (pois é preciso que outro meio aéreo que está em alerta descole, voe, os encontre com vida e consiga recuperá-los).

Mesmo assim, este militares cumprem o seu dever: têm família, filhos, que têm como dado adquirido que o pai volta mais logo e, nem imaginam que tal pode não acontecer.

Poucas pessoas sabem o seguinte:
a) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador está neste trabalho voluntariamente;

b) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador está neste trabalho porque passou por testes e provas dificílimas, apenas acessíveis aos melhores física e psicologicamente;

c) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador ganha cerca de 1300 € limpos (um profissional com muitos anos de carreira, que arrisca a vida muito mais do que ninguém, voluntariamente, por amor ao serviço, ao próximo);

d) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador tem de estar disponível 24 horas por dia, deixando a família para trás a qualquer momento, sempre que for chamado ao serviço inopinado;

e) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador recebe cerca de 300 € líquidos de risco de voo (menos do que os pilotos, que também arriscam a vida, mas arriscam menos pois não estão pendurados num guincho);

O Sargento-Ajudante recuperador-salvador não tem mordomias, carros de luxo, condutor, sala própria, secretária, telemóvel de serviço, despesas de representação chorudas, outros emolumentos mais ou menos disfarçados.

Ganha 300€ de risco de voo para salvar vidas e arriscar a sua.
f) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador, tal como os demais militares dos 3 Ramos das Forças Armadas, continua a salvar vidas, com ânimo, profissionalismo e competência, apesar de lhe terem cortado o vencimento desde o ano passado, apesar de lhe terem tirado o subsídio de férias e de Natal, apesar de não ter perspectiva de evolução na carreira nem aumento de ordenado;

g) O Sargento-Ajudante recuperador-salvador não tem mordomias, carros de luxo, condutor, sala própria, secretária, telemóvel de serviço, despesas de representação chorudas, outros emolumentos mais ou menos disfarçados.

h) Para mim, estes são os verdadeiros heróis, aqueles que apesar de fortemente penalizados, fortemente incompreendidos, apenas lembrados aquando de actos heróicos mediáticos como este, continuam dia após dia a cumprir além do dever.

O Sargento-Ajudante recuperador-salvador, como todos os militares merecem o respeito por parte de quem governa, para que entendam que não se trata de um funcionário público (aliás muitos respeitáveis), mas sim de um cidadão especial, que jurou publicamente dar a vida pela Pátria, dar a vida para que outros vivam.

À atenção de quem de direito !!!

José Lucas

PS - Num exercício de imaginação, tentei considerar a hipótese dos respeitados e digníssimos representantes do povo, na Assembleia da República (AR) receberem 1300 € de vencimento mais 300 € de risco. Provavelmente a AR ficaria vazia.

Dir-me-ão: mas não é a mesma coisa, são responsabilidades diferentes.

Pois são: o Sargento-Ajudante recuperador-salvador arrisca a vida diariamente para que outros vivam!

MUITO INTERESSANTE - SAIBA O SEU NÚMERO NA TERRA

SAIBA O SEU NÚMERO NA TERRA
Veja que interessante: sua posição no mundo.
Que número você tem entre os 7 bilhões de habitantes da Terra?
Do BBC Journal.


PRECONCEITOS...O MEDO E A REACÇÃO DAS PESSOAS


A Carlsbergrealizou na Bélgica uma pegadinha genial, colocou 148 motociclistas mal-encarados numa sala de cinema com apenas 2 lugares sobrando... Assim que o casal de vítimas entra na sala o medo de se sentar toma conta...

A SINAGOGA PORTUGUESA DE AMESTERDÃO

PORTUGAL......ESTAMOS CÁ PARA RESISTIR E FICAR - WE ARE NOT IN THE MOODY`S

video

ANDRÉ RIEU


Composta na Prússia em 1889, esta marcha é tradicionalmente utilizada

nas bandas das universidades americanas e europeias e também nas

Academias Militares e nas Forças Armadas de todo o mundo.



No final do vídeo, o maestro André Rieu explica que convocou os

músicos de sopro da cidade para participarem da peça, imaginando que

apareceriam uns 50. No entanto, apresentaram-se 400....!


http://www.youtube.com/watch_popup?v=gpIIqUt6L6U&vq=medium

A TORRE 5 FOI ABAIXO........MEU DEUS...


MEU DEUS, o que me atormenta não é o facto da torre 5 ter ido abaixo, porque sou de parecer que bairros destes nunca deviam ter sido edificados.

O que me atormenta e tomando como séria a notícia "...... o Aleixo será demolido até final do mandato de Rio, em 2013, altura em que os valiosos terrenos sobranceiros ao Douro serão transferidos para um fundo imobiliário, maioritáriamente detido por Victor Raposo,sócio do filho de Darte Lima,arguido por suspeita de branqueamanto de capitais e fraude fiscal".

Que coincidência, tal como em Oeiras, nos terrenos que o Isaltino cedia para a construção do IPO, lá estavam eles, e lá estão eles agora no Porto, com a mesma estratégia e com o "bom " apoio dos respectivos presidentes de Cãmara.

MEU DEUS, deixa-me acreditar que o Rui Rio não está neste negócio, porque eu não quero acreditar que não existam políticos sérios neste País.
MEU DEUS, deixa-me acreditar que a golpada que estava planeada para Oeiras, não vai ter sucesso no BAIRRO do ALEIXO.

ENQUANTO NA ALEMANHA OS CORRUPTORES FORAM CONDENADOS, EM PORTUGAL A JUSTIÇA CONTINUA A "ABOBORAR"


PORQUE SERÁ?

Passado que foi o Natal, voltemos às danças e andanças da política de direita.

Há dias, na Alemanha, dois ex-gestores da Ferrostaal (a tal, a dos submarinos...) foram condenados a dois anos de prisão e ao pagamento de coimas, por suborno a funcionários públicos estrangeiros, na venda de submarinos a Portugal e à Grécia.
No caso de Portugal, o subornado foi (tanto quanto se sabe, até agora...) o ex-cônsul de Portugal em Munique - um alemão de nome Adolph... - cujo recebeu 1, 6 milhões de euros, a troco de propiciar contactos de responsáveis da Ferrostaal com o Governo português.

Diz a notícia que o Adolph teve contactos directos com o então primeiro-ministro, Durão Barroso, com Paulo Portas e com Mário David (na altura assessor de Barroso e agora deputado europeu).
Diz ainda a notícia que, a dada altura, Durão Barroso esteve num almoço (que ele próprio propôs), em Munique, com um então Administrador da Ferrostaal - e que houve encontros e reuniões várias, em Lisboa, na residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento.

A notícia diz, finalmente, que todos os acima referidos «contactos directos» do Adolph se recusaram a comentar o sucedido.

PUDERA!
Por Fernando Samuel em

In Cravo de Abril

KIT EMIGRAÇÃO

Clique no link abaixo para ver imagem integral do Kit Emigração
Esta notícia tem conteúdo multimédia, clique aqui para visualizar
Já por duas vezes o governo de Passos Coelho apontou a emigração como uma solução que deveria ser seguida pelos portugueses. Perante tanta insistência, está a circular no Facebook um Kit de Emigração que, com ironia, critica esta mensagem do executivo.
Primeiro foi o secretário de Estado da Juventude a sugerir, no fim de Outubro, aos jovens portugueses que saíssem da sua "zona de conforto" optando pela emigração. Esta semana foi o primeiro-ministro Passos Coelho que aconselhou os professores desempregados a emigrar.

Ironizando com a situação, está a circular no Facebook uma imagem de um Kit de Emigração, onde se vê um logo do Governo e outro do IEFP, que contém vários objetos úteis para uma emigração portuguesa em massa.

Uma lancheira, um espaço para diploma, uma fotografia com o prato gastronómico preferido, um curso de língua estrangeira, um bilhete de avião só de ida, um passaporte de emissão gratuita, um cartão com chamadas telefónicas internacionais, duas “sandochas” e uma mini são os objetos que compõem o irónico kit.
É caso para dizer, que perante tanta insistência governamental na emigração dos portugueses, em breve este kit poderá mesmo ser comercializado... E com bastante sucesso.

ÚLTIMA HORA - PRIMEIRO MINISTRO EMIGRA


INCAPAZ DE GERIR A CRISE QUE OS POLÍTICOS DO PSD E PS CRIARAM AO LONGO DOS ANOS, O PRIMEIRO MINISTRO VAI EMIGRAR À PROCURA DE ARES MAIS SAUDÁVEIS.

Quadrilha organizada arrasa e limpa tudo o que é riqueza em Portugal.

Quadrilha organizada arrasa Portugal. Nem vândalos, nem mouros, nem visigodos, nem árabes, nem franceses... em outros tempos conturbados fizeram melhor que esta vandalagem toda!
Não há memória de maior roubo ao Estado Português.
Feito à luz do dia, ao longo de anos, narrado nos jornais com todos os pormenores, sem que a polícia ou os tribunais lhe pusessem cobro.

O BPN/SLN foi urdido, criado e gerido, expressamente para roubar os depositantes e o Estado português.
Uma associação criminosa formada por governantes do PSD, incluindo o actual Presidente da República, que agora este governo do PPD/PP entregou aos mesmos correligionários, à frente dos quais está Mira Amaral, incluindo ainda a filha do presidente de Angola, Isabel dos Santos, a preço de saldo, aquilo que lhes interessa, deixando o lixo para os contribuintes pagarem.

Um prejuízo de 10 mil milhões, para Portugal!
Um lucro de 10 mil milhões, para a gatunagem no poder!
Uma manobra de gatunos bem combinados e coordenados.

DULCE PONTES & ENNIO MORRICON - O AMOR A PORTUGAL

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

VOTOS DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA PARA 2012


POEMA DE NATAL


Para ti, que tens alma de poeta, o meu poema de Natal

Poema de Natal
Sou feliz!
Tenho água todos os dias,
E, por acréscimo, vinho.
Sou feliz!
Tenho pão todos os dias
E, por acréscimo, carne e peixe.
Sou feliz!
Tenho inimigos todos os dias
E, por acréscimo, amigos.
Sou feliz!
Tenho a família que esqueci
E, por acréscimo, aquela que relembro todos os dias.
Sou feliz, porque continuo a poder guerrear
com todos os que amo!
( M.José)

PARLAMENTO EUROPEU - A VERDADE DITA POR QUEM SE INDIGNA

MEMÓRIAS AFRICANAS - AS ENTREVISTAS DE PAULO SALVADOR

Caro amigo,

Já pode ouvir a entrevista com o Juiz Rui Rangel, nas minhas Memórias Africanas.

Juiz de profissão, figura mediática em Portugal, Rui Rangel revela os tempos em que se meteu na política, no liceu de Sá da Bandeira, a fuga da cidade, a inadaptação em Portugal, o regresso a Luanda onde foi preso e torturado, às mãos do MPLA. Um homem que confessa viver entre a paixão e a desilusão para com Angola.
--

--
Paulo Salvador
Jornalista TVI
site : www.recordarangola.com

COMENTÁRIO DE UM LEITOR SOBRE "TAMBWE-A UNHA DO LEÃO"


Caro Autor e amigo (se me permite que o trate assim):

Depois dizer-lhe do que me traz aqui: o seu "Tambwe - A Unha do Leão", expectante que fiquei depois de assistir ao lançamento em Setúbal (belíssimo, digo eu!).

Primeiro quero afirmar que não concordo com a classificação de anti-herói atribuída por uma das intervenientes na apresentação do livro.

O Eugénio é um herói, sim, pelo menos para quem saiba, minimamente, o que é o pulsar africano. Um homem que tenha sido tocado e protegido por feiticeiros, tão bem delineados e descritos por si (experiência sua?) só pode ser um herói.

Realço a primeira metade da obra como a minha preferida, onde o fantástico brilha por entre as sombras fugidias da realidade. É ali que reside o feitiço que só africanos, brancos ou negros, podem entender, mesmo que não o saibam explicar, mas que existe.

Rejubilei com a (aparente) desordem da biblioteca do Eugénio, tão mal compreendida pela mulher, Madalena. Vi-me a mim ali reflectido e, quero crer, que o vi a si também.

Muitos parabéns pelo "Tambwe"! É de literatura que se trata, nestes tempos onde ela escasseia, apesar da proliferação de novos autores e novos livros.

E quero terminar com o seu final: é genial a ideia de Eugénio se juntar aos feiticeiros, seus mentores e protectores. O que os verdugos fuzilaram era apenas o corpo físico.

Bem haja pelos momentos de prazer que me trouxe a leitura deste livro. Agora irei debruçar-me sobre "A especiaria". Ambos terão lugar privilegiado na minha biblioteca, onde já vivem, tal qual a aparente confusão da biblioteca do Eugénio, cerca de quinhentos títulos com Angola dentro.

Um abraço fraterno.

Tomás Lima Coelho   

http://maedseventosactividades.blogspot.com/2011/12/fotos-do-lancamento-do-livro-tambwe.html