sexta-feira, 19 de novembro de 2010

A EUROPA NÃO PODE DEMORAR A ACORDAR!


Voici ce que vient de déclarer Mohamed Sabaoui, jeune sociologue de l'Université Catholique de Lille, d'origine algérienne, naturalisé français. Ceci est plus que prometteur...

«Notre invasion pacifique au niveau européen n'est pas encore parvenue à son terme.

Nous entendons agir dans tous les pays simultanément. Comme vous nous faites de plus en plus de place, il serait stupide de notre part de ne pas en profiter. Nous serons votre Cheval deTroie.

Les Droits de l'homme dont vous vous réclamez, vous en êtes devenus les otages.

Ainsi, par exemple, si vous deviez vous adresser à moi en Algérie, ou en Arabie Saoudite, comme je vous parle maintenant, vous seriez, dans le meilleur des cas, arrêtés sur-le-champ. Vous autres Français n'êtes pas en mesure d'imposer le respect à nos jeunes.

Pourquoi respecteraient-ils un pays qui capitule devant eux ? On ne respecte que ce qu'on craint.

Lorsque nous aurons le pouvoir, vous ne verrez plus un seul de nos jeunes mettre le feu à une voiture ou braquer un magasin...

Les Arabes savent que la punition inexorable que mérite, chez nous le voleur, c'est l'amputation d'une main ».



Et, toujours du même Mohamed Sabaoui lors d'une interview récente :



Les lois de votre République ne sont pas conformes à celles du Coran et ne doivent pas être imposées aux musulmans, qui ne peuvent être gouvernés que par la Charia.

Nous allons donc œuvrer pour prendre ce pouvoir qui nous est dû. Nous allons commencer par Roubaix, qui est actuellement une ville musulmane à plus de 60 %.

Lors des futures élections municipales, nous mobiliserons nos effectifs, et le prochain maire sera musulman. Après négociation avec l'État et la Région , nous déclarerons Roubaix enclave musulmane indépendante comme le KOSOVO et nous imposerons la Charia (loi de Dieu) à l'ensemble des habitants.

La minorité chrétienne aura le statut de Dhimmis. Ce sera une catégorie à part qui pourra racheter ses libertés et droits par un impôt spécial.

En outre, nous ferons ce qu'il faut pour les amener par la persuasion dans notre giron. Des dizaines de milliers de Français ont déjà embrassé l'Islam de plein gré comme Frank RIBERY, GARAUDY et d'autres, pourquoi pas les chrétiens de Roubaix ?

Et puis avec l'entrée prochaine de la TURQUIE en Europe, c'est plus 80 millions de Musulmans qui circuleront librement et se chargeront d'Islamiser toute l'Europe. Actuellement à l'université de Lille, nous mettons sur pied des brigades de la foi, chargées de 'convertir' les Roubaisiens récalcitrants chrétiens, ou juifs, pour les faire rentrer dans notre religion, car c'est Dieu qui le veut !

Si nous sommes les plus forts, c'est que Dieu l'a voulu. Nous n'avons pas les contraintes de l'obligation chrétienne de porter assistance, à l'orphelin, aux faibles et handicapés. Voir votre Sœur EMMANUELLE. Nous pouvons et devons, au contraire, les écraser s'ils constituent un obstacle, surtout si ce sont des infidèles ».

Une réalité que beaucoup prennent pour de la fiction, et rigolent en lisant mais c'est la vérité future.....


A MEDITER ............. Longuement !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

dog murras Angola

HUMOR EM TEMPO DE CRISE


Quando Deus fez o mundo, para que os homens prosperassem, decidiu dar-lhes apenas duas virtudes...

Assim, mandou ao seu anjo-secretário que anotasse quais seriam os dons:

- Aos Suecos, os fez estudiosos e respeitadores da lei.

- Aos Ingleses, organizados e pontuais.

- Aos argentinos, chatos e arrogantes.

- Aos Japoneses, trabalhadores e disciplinados.

- Aos Italianos, alegres e românticos.

- Aos Franceses, cultos e finos.

- Aos Portugueses, inteligentes, honestos e socialistas.

O anjo anotou, mas logo em seguida, cheio de humildade e de medo, indagou:

- Senhor, a todos os povos do mundo foram dadas duas virtudes, porém aos portugueses foram dadas três! Isto não os fará soberbos em relação aos outros povos da terra?

- Muito bem observado, bom anjo! exclamou o Senhor.

- Isto é verdade!

- Façamos então uma correcção! De agora em diante, os portugueses, povo do meu coração, manterão esses três dons, mas nenhum deles poderá utilizar mais de
duas simultaneamente, como os outros povos! Assim sendo:
O que for socialista e honesto, NãO PODE SER INTELIGENTE;
O que for socialista e inteligente, NãO PODE SER HONESTO;
E o que for inteligente e honesto, NãO PODE SER SOCIALISTA !!!!

PALAVRAS DO SENHOR!!!...

Carl Orff: Carmina Burana

NOVO VEÍCULO DA VOLKSWAGEN


Isto não é um brinquedo, nem um novo conceito de automóvel. É um carro só de um assento, desenvolvido recentemente, com alta aerodinâmica, provado na estrada como um carro real.

Está pronto para ser lançado como single seater (um assento) para venda em Shanghai em 2010 por apenas RMB 4,000 (US$ 600.00)! SEISCENTOS DÓLARES! Interessado? Vais ver mais... Atinge os 100/120 Km/hora, com um consumo inacreditável 0.99 litro aos 100 km (258 milhas por galão).

Impressionado? Ficarás totalmente depois de ler todos os detalhes abaixo sobre a alta tecnologia e era espacial dos materiais usados neste carro!!!

O mais económico carro do mundo estará à venda no próximo ano em Shanghai

Melhor que um carro eléctrico – 0,99 litros/100

Capacidade para apenas uma pessoa.

Da concepção à produção: 3 anos, e a companhia é gerida a partir de Hamburgo, Alemanha.

Preço de venda ao público, apenas 4,000 yuans, equivalente a € 500.00.

Capacidade do tanque de gasolina: mais ou menos 6 litros).

VELOCIDADE = 100 a 120 km/hora.

Percorre 6.000 quilómetros com um tanque de gasolina.

PORQUE DEVEMOS CONTRATAR GESTORES ESTRANGEIROS E MANDAR OS GESTORES PORTUGUESES ÀS URTIGAS? PORQUE SÃO MAIS BARATOS!


Haja quem ponha o "dedo na ferida, ou melhor cancro" deste país, do qual tão pouco se fala!!! Porquê?


Pois é...


Alinhem esses ordenados e outras benesses pelos padrões da Alemanha, Inglaterra, Suécia, etc.e verão como rapidamente desaparece a crise!!!

Assunto: Pensar alto - (Joana Amaral Dias)

Abril 2010

Pensar alto

A fuga das galinhas

Um gestor vale mais do que quem salva vidas e cria (vários tipos) de riqueza como um médico ou um cientista? Qual é o dom especial que possuem para que ganhem muito mais que todos os outros? Não se sabe. Mas essa ignorância não altera os rendimentos.

Mesmo que os resultados empresariais derivem de uma extensa cadeia. Mesmo que todas as empresas devam ter um papel social. Pois é. Os nossos trabalhadores são dos mais mal pagos da Europa, mas os gestores são dos mais bem pagos. Um gestor alemão recebe dez vezes mais que o trabalhador com o salário mais baixo na sua empresa. O britânico 14. O português 50. Mas, segundo um estudo da Mckinsey, Portugal tem dos piores gestores. Logo, quando se fala em reduzir direitos e salários, a quem nos devemos referir? Lógico? Não. Dizem que os bons gestores escasseiam e é necessário recompensá-los. Senão, fogem do país. Ok. Então, é simples. Se são assim tão poucos, ide. Não serão significativos na crescente percentagem de fuga dos cérebros que estavam desempregados/explorados. Depois, contratem-se gestores alemães ou ingleses. Por lá, não rareia tanto a qualidade. Estão habituados a discutir não só ordenados mínimos como ordenados máximos. E sempre são mais baratinhos.

Joana Amaral Dias, Docente universitária

DITOS POPULARES - NEM TUDO O QUE PARECE É


Eu falava assim... APRENDA O CORRETO:


E a gente pensa que repete corretamente os ' ditos populares'
Dicas do Prof. Pasquale:

No popular se diz: 'Esse menino não pára quieto, parece que tem bichocarpinteiro' "Minha grande dúvida na infância... Mas que bicho é esse que é carpinteiro, um bicho pode ser carpinteiro???"
Correto: 'Esse menino não pára quieto, parece que tem bicho no corpo inteiro' "Tá aí a resposta para meu dilema de infância!" EU NÃO SABIA. E VOCÊ?

Batatinha quando nasce, esparrama pelo chão.'
Enquanto o correto é: ' Batatinha quando nasce, espalha a rama pelo chão.' "Se a batata é uma raiz, ou seja, nasce enterrada, como ela se esparrama pelo chão se ela está embaixo dele?" Tudo bem eu era uma malinha!

'Cor de burro quando foge.'
O correto é: 'Corro de burro quando foge!'"Esse foi o pior de todos!
Burro muda de cor quando foge??? Qual cor ele fica??? Porque ele muda de cor???" Eu queria porque queria ver um burro fugindo para ver a cor dele! Sério!

Outro que no popular todo mundo erra:
'Quem tem boca vai a Roma.'
"Bom, esse eu entendia, de um modo errado, mas entendia! Pensava que quem sabia se comunicar ia a qualquer lugar!" O correto é: 'Quem tem boca vaia Roma.' (isso mesmo, do verbo vaiar).

Outro que todo mundo diz errado,
'Cuspido e escarrado' - quando alguém quer dizer que é muito parecido com outra pessoa. "Esse... Sei lá!"
O correto é: 'Esculpido em Carrara.' (Carrara é um tipo de mármore)

Mais um famoso.... 'Quem não tem cão, caça com gato.' "Entendia também, errado, mas entendia! Se não tem o cão para ajudar na caça o gato ajuda! Tudo bem que o gato só faz o que quer, quando quer e se quer, mas vai que o bicho tá de bom humor!"
O correto é:'Quem não tem cão, caça como gato.... ou seja, sozinho!'

Vai dizer que você falava corretamente algum desses?

PORQUE TODOS DEVEMOS VOTAR EM BRANCO!!!!


Sabiam da eficiência do voto em BRANCO ?

SE VOTAREM EM BRANCO, ou seja, se não escreverem absolutamente nada no boletim de voto, é muito mais eficiente do que riscá-lo.

Nenhum politico fala nisto... porquê?

Porque se a maioria da votação for de votos em branco eles são obrigados a anular as eleições e fazer novas, mas com outras pessoas diferentes nas listas.

Imaginem só a bronca!

A legislação eleitoral tem esta opção para correr com quem não nos agrada, mas ninguém fala disso.

Não risquem os votos, porque serão anulados e não contam para nada.

VOTEM EM BRANCO.

A maioria de votos em BRANCO anula as eleições..... e demonstra que não queremos ESTES políticos!!!

Espalhem para se obter a maioria.

A REVOLTA DAS COUVES


Esta é de Mestre.....

Em Várzea de Meruge, Seia, Serra da Estrela, a população cansou-se de pedir ao presidente da Junta que reparasse o piso de uma rua.
Vai daí, decidiu plantar couves nos buracos... e agradecer ao presidente e ao seu padrinho em S.Bento.
Nunca a frase «atirou com o carro para as couves» fez tanto sentido...
Vale a pena ver as imagens. É ainda curto, mas é um sinal de que o povo está aí, já se ouvem ao longe os tambores... um dia a paciência acaba...

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

BRASIL -ANÚNCIO A PEDIR NAMORO EM JORNAL DO CEARÁ


EXCELENTE!

Anuncio de namoro Ceara - (verdade)

O JORNAL CEARENSE RECEBEU ESSE PEDIDO DE PUBLICACAO DE ANUNCIO E, ACHANDO-O ENGRACADO, PEDIU AUTORIZACAO PARA COLOCA-LO EM LOCAL DE DESTAQUE, SEM QUALQUER ACRESCIMO DE CUSTO. AFINAL, ERA COMICO. NAO ESPERAVAM RESPOSTA. MAS... HOUVE A RESPOSTA... E, DA MESMA FORMA QUE O ANUNCIO INICIAL, RECEBEU LOCAL DE DESTAQUE EM SUA PUBLICACAO.

ANUNCIO PARA ARRUMAR NAMORADA

Matéria publicada em um jornal de circulaçao diaria do Estado do Ceara
(Leia também a resposta da pretendente).


Homem descasado procura...

Homem de 40 anos, que so gosta de mulher, apos casamento de sete anos, mal sucedido afetivamente, vem através deste anuncio, procurar mulher que so goste de homem, para compromisso duradouro, desde que esta preencha certos requisitos:
O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE tenha idade entre 28 e 40 anos, nao descartando, evidentemente, aquelas de idade abaixo do limite inferior, descartando as acima do limite superior.
Devem ter um grau razoavel de escolaridade, para que nao digam, na frente de estranhos: 'menas vezes', 'quando eu si casar', 'pobrema no uter', 'eu ja si operei de apênis', 'é de gratis', 'vamo de a pé', 'adoro tar com você' e outras pérolas gramaticais.

Os olhos podem ter qualquer cor, desde que sejam da mesma e olhem para uma so direçao.
Os dentes, além de extremamente brancos, todos os 32, devem permanecer na boca ao deitar e nunca dormirem mergulhados num copo d'agua.
Os seios devem ser firmes, do tamanho de um mamao papaia, cujos mamilos olhem sempre para o céu, quando muito para o purgatorio, nunca para o inferno.
Devem ter consistência tal que nao escapem pelos dedos, como massa de pao.

Por motivos obvios, a boca e os labios, devem ter consistência macia, nao confundir com beiço.
A barriga, se existir, muito pequena e discreta, e nao um ponto de referência.
O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE seja sexualmente normal, isto é, tenha orgasmos, se multiplos melhor, mas mesmo que eventuais, quando acontecerem, que ela gema um pouco ou pisque os olhos, para que ele sinta-se sexualmente interessante. Independentemente da experiência sexual do PRETENDIDO, este exige que durante o ato sexual a PRETENDENTE nao boceje, nao ria, nao fique vendo as horas no radio relogio, nao durma ou cochile
O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE nao tenha feito nenhuma sessao de analise, o que poderia camuflar, por algum tempo, uma eventual esquizofrenia.

A PRETENDENTE devera ter um carro que ande, nem que seja uma Brasilia, ou que tenha dinheiro para o taxi, uma vez que pela propria idade do PRETENDIDO, ele nao tem mais paciência para levar namorada de madrugada para casa.

Enviar cartas com foto recente, de corpo inteiro, frente e costas, da PRETENDENTE, para a redaçao deste jornal, para o codinome:
'CACHORRO MORDIDO DE COBRA TEM MEDO ATE DE BARBANTE'.

Resposta da Pretendente, publicada dias apos, no mesmo periodico Cearense :

Prezado HOMEM DESCASADO...
Li seu anuncio no jornal e manifesto meu interesse em manter um compromisso duradouro com o senhor, desde que (é claro) o senhor também preencha outros 'certos' requisitos que considero basicos! Vale lembrar que tais exigências se baseiam em conclusoes tiradas acerca do comportamento masculino em diversas relaçoes frustradas, que so nao deixaram marcas profundas em minha personalidade, porque 'graças a Deus', fiz anos de terapia, o que infelizmente contraria uma de suas exigências!

Quanto à idade convém ressaltar que espero que o senhor tenha a maturidade dos 40 anos e o vigor dos 28, e que seu grau de escolaridade supere a cultura que porventura tenha adquirido assistindo aos programas do 'Show do Milhao'...!

Seus olhos podem ser de qualquer cor desde que vejam algo além de jogos de futebol e revistas de mulher pelada E seus dentes devem sorrir mesmo quando lhe for solicitado que lave a louça ou arrume a cama. Nao é necessario que seus musculos tenham sido esculpidos pelo halterofilismo, mas que seus braços sejam fortes o suficiente para carregar as compras. Quanto ? ? boca, por motivos também obvios, além de cumprir com eficiência as funçoes a que se destinam, as bocas no relacionamento de um casal devem servir, inclusive, para pronunciar palavras doces e gentis e nao somente: 'PEGA MAIS UMA CERVEJA AI, MULHER!'. A barriga, que é quase certo que o senhor a tenha, é toleravel, desde que nao atrapalhe para abaixar ao pegar as cuecas e meias que jamais deverao ficar no chao. Quanto ao desempenho sexual espera-se que corresponda ao menos polidamente à 'performance' daquilo que o senhor 'diz que faz' aos seus amigos! E que durante o ato sexual, nao precise levar para a cama livros do tipo: 'Manual do corpo humano' ou 'Mulher, esse ser estranho'!

No que diz respeito ao item alimentaçao, cumpre estar atualizado com a lista dos melhores restaurantes, ser um bom conhecedor de vinhos e toda espécie de iguarias, além de bancar as contas, evidentemente. Em relaçao ao carro, tornam-se desnecessario s os trajetos durante a madrugada, uma vez que, havendo correspondência nas exigências que por ora faço, pretendo mudar-me de mala e cuia para a sua casa ... meu amor!!!

ass: A COBRA

JOGO DE FUTEBOL ENTRE ISRAEL E PALESTINA

video

Requiem di Cherubini: 07 - Agnus Dei

GRITO DE GUERRA: POVO PORTUGUÊS ÀS ARMAS, CONTRA OS CANHÕES MARCHAR!


(TEXTO MUITO BEM ESCRITO E UM ALERTA AOS OPORTUNISTAS)


* Aparentemente, passámos de um destino de navegadores a clientes de segundade alfaiatarias, uma, dos anos 50, da Rua dos Fanqueiros, outra, ainda maismiserável, de um gajo "licenciado" nas Novas Oportunidades, que se deslumbracom tecidos que lhe assentam francamente mal. Vou ser breve, e introduzir já a frase com que se deverá concluir estetexto: chegámos ao tempo em que é preciso fazer cortes, mas não nossalários, e, sim, em certas cabeças. O Sr. Aníbal, de Boliqueime, com a sua corja de Ferreiras do Amaral, deLeonores Belezas, de Miras Amarais, de Dias e Valentins Loureiros, deDuartes Limas, do Eurico de Melo, de Durões Barrosos e tantos outros nomesdo estrume que já se me olvidaram, inaugurou o derradeiro ciclo de declíniode Portugal, quando vendeu o Estado a retalho, e permitiu que os Fundos, quenos iam fazer Europeus, fossem fazer de forro de fundo de bolsos de gentemuito pouco recomendável. A apoteose dessa desgraça teve vários rostos, asExpos, do ranhoso Cardoso e Cunha, e a mais recente, o BPN, onde estavamtodos, 20 anos depois, refinados, enfim, tanto quanto o permite orefinamento da ralé, e isso custou ao Estado um formidável desequilíbrio,que a máquina de intoxicação, feita de comentadores de bancada, deex-ministros que tinham roubado, e queriam parecer sérios, e de carcaçasplurireformadas, de escória, em suma, que há muito devia estar arredada dopalco da Opinião, nos fez crer ser uma "Crise". Depois, veio a outra "Crise", a Internacional, cozinhada em Bilderberg, eque se destinava, como se destinará, a criar um Mundo mais pobre, decidadãos mais miseráveis, cabisbaixos, e impotentes. Nem Marx sonhou comisso: é mais Asimov, Orwell e uns quantos lunáticos de ficção científicareciclada em Realidade, e vamos ter, nós, os intelectuais, de prever epreparar as novas formas de reagir, contra esse pântano civilizacional. Aseu modo, será uma Idade do Gelo Mental e Social, minuciosamente preparada,para a qual, aviso já, não contem comigo. Como na Epopeia de Jasão, depois do miserável Cavaco, vieram os Epígonos, os"boys-Matrix" do Sr. Sócrates, um Matrix de Trás os Montes, o que, já de si,cheira a ovelha, animal que só estimo naquela classe de afetos que SãoFrancisco de Assis pregava, e nada mais. Podem chamar-se o que quiserem,Pedros Silvas Pereiras, a Isabel Alçada, a aquecer os motores parasubstituir o marido na Gulbenkian, mal ele se reforme; a mulher a dias doTrabalho, e aquele pequeno horror, chamado Augusto Santos Silva, que parece,uma barata de cabelos brancos. Esta gente toda convive connosco, quer-noslevar ao abismo, e fala da inevitabilidade de "cortes". Eu também estou de acordo: toda a frota de carros da Administração Públicadeve ser vendida em hasta pública -- pode ser aos pretos da Isabel DosSantos, que adoram essas coisas... -- e passe social L123, para todos osConselhos de Administração, com fedor de Vara, Cardona, Gomes, ou ZeinalBava. Os gabinetes imediatamente dissolvidos, e os assessores reenviadospara os centros de reinserção social, para aprenderem o valor do Trabalho, enão confundirem cunhas com cargos; os "Institutos", de quem o Vara eraespecialista, e o Guterres, num súbito fulgor de não miopia chamou "oPântano"; os "off-shores"; a tributação imediata de todas as especulaçõesfinanceiras com palco português, feitas em plataformas externas; a indexaçãodo salário máximo, dos tubarões, aos índices mínimos das bases, enfim, umaespécie de socialismo nórdico, não o socialismo da treat, inaugurado peloSr. Soares, e transformado depois, nesta fase terminal, em esclavagismoselvagem, pela escória que nos governa. Acontece que, se os Portugueses sentissem que estavam a ser governados porgente honesta, e tivesse acontecido um descalabro financeiro, prontamente seuniriam, para ajudar a salvar o seu pequeno quintal. Na realidade, asensação geral é a de que há, ao contrário, um bando de criminosos,inimputáveis, que se escaparam de escândalos inomináveis, de "Casas Pias",de "Freeports", de "BPNs", "BPPs", "BCPs", "Furacões", "Independentes",Hemofílicos", "Donas Rosalinas", "Noites Brancas" e tanta coisa mais, quedispõem de um poder de máfia e associação tal, que destruíram a maiorconquista do Liberalismo, a separação dos Poderes, tornando o Judicial umasucursal dos solavancos políticos, do rimel das Cândidas e das menoscândidas, das Relações, e das relações dos aventais, das "ass-connections" edas Opus, enfim, de uma Corja, que devia ser fuzilada em massa, que roubou,desviou, pilhou e, agora, vem tentar sacar a quem tem pouco, muito pouco, oujá mesmo nada. Somos pacíficos, mas creio que chegou a hora de deixarmos de o ser. Pessoalmente, mas não tenho armas, já escolhi alguns alvos. Curiosamente, se pudesse, nem seria um Político aquele que eu primeiroabateria, seria uma coisa, uma lêndea, um verme pútrido, chamado VítorConstâncio, que julga que, por estar longe, fugiu da alçada de um qualquerdesvairado que se lembre de ainda o esborrachar com o tacão. Infelizmente, ou felizmente, nem sou violento, nem tenho armamento em casa,porque é chegada a hora, não dos cortes no bem estar de quem tem pouco, masnas cabeças que provocaram, ao longo de décadas, o imenso horror em queestamos. Toda a gente lhes conhece os rostos, e suponho que será unânime na punição. Por muito menos, há quase 100 anos, deitou-se abaixo um regime, cujacorrupção era uma brincadeira, ao lado do que estamos a presenciar. Não tenho armas, digo, mas menti, porque, de facto, tenho uma, e que é apior de todas, o Dom da Palavra, e acabei, esta noite, de voltar a tirá-lado bolso. Espero que vos faça acordar.

(AUTOR DESCONHECIDO)

O MILAGRE DE D.ADELAIDE, MÃE DE JOSÉ SÓCRATES



A mamã Adelaide e a misteriosa *pensão superior a 3000 euros*

Divorciada nos anos 60 de Fernando Pinto de Sousa, "viveu modestamente
em Cascais como empregada doméstica, tricotando botinhas e
cachecóis...".(24 H)

Admitamos que, na sequência do divórcio ficou com o chalet (r/c e 1º
andar) .

Admitamos ainda, que em 1998, altura em que comprou o apartamento na
Rua Braamcamp, o fez com o produto da venda da vivenda referida, feita
nesse mesmo ano.

Neste mesmo ano, declarou às Finanças um rendimento anual inferior a 250 €.(CM), o que pressupõe não ter qualquer pensão de valor superior, nem da Segurança Social nem da CGA.

Entretanto morre o pai (Júlio Araújo Monteiro) que lhe deixa "uma pequena fortuna, de cujos rendimentos em parte vive hoje" (24H).

Por que neste momento, aufere do Instituto Financeiro da Segurança Social (organismo público que faz a gestão do orçamento da Segurança Social) uma pensão superior a 3.000 € (CM), seria lícito deduzir - caso não tivesse tido outro emprego a partir dos 65 anos - que , considerando a idade normal para a pensão de 65 anos, a mesma lhe teria sido concedida em 1996 (1931+ 65). Só que, por que em 1998 a dita pensão não consta dos seus rendimentos, forçoso será considerar que a partir desse mesmo ano, 1998 desempenhou um lugar que lhe acabou por garantir uma pensão de (vamos por baixo): 3.000 €.

Abstraindo a aplicação da esdrúxula forma de cálculo actual, a pensão teria sido calculada sobre os 10 melhores anos de 15 anos de contribuições, com um valor de 2% /ano e uma taxa global de pensão de 80%.

Por que a "pequena fortuna " não conta para a pensão; por que o I.F.S.S. não funciona como entidade bancária que, paga dividendos face a investimentos ali feitos (depósitos); por que em 1998 o seu rendimento foi de 250 €; para poder usufruir em 2008 uma pensão de
3.000 €, será por que (ainda que considerando que já descontava para a Segurança Social como empregada doméstica e perfez os 15 anos para poder ter direito a pensão), durante o período (pós 1998), nos ditos melhores 10 anos, a remuneração mensal foi tal, que deu uma média de
3.750 €/mês para efeitos do cálculo da pensão final. (3.750 x 80% = 3.000).

Ora, como uma pensão de 3.000 €, não se identifica com os "rendimentos " provenientes da pequena fortuna do pai, a senhora tem uma pensão acrescida de outros rendimentos.

Como em nenhum dos jornais se fala em habilitações que a senhora tenha adquirido, que lhe permitisse ultrapassar o tal serviço doméstico remunerado, parece poder depreender-se que as habilitações que tinha nos anos 60 eram as mesmas que tinha quando ocupou o tal lugar que lhe
rendeu os ditos 3.750 €/mês.

Pode-se saber qual foram as funções desempenhadas que lhe permitiram poder receber tal pensão?

E há mais...

A Dona Adelaide comprou um apartamento na Rua Braamcamp, em Lisboa, a uma sociedade off-shore com sede nas Ilhas Virgens Britânicas, apurou o Correio da Manhã. Em Novembro de 1998, nove meses depois de José Sócrates se ter mudado para o terceiro andar do prédio Heron Castilho, a mãe do primeiro-ministro adquiria o quarto piso, letra E, com um valor tributável de 44 923 000 escudos - cerca de 224 mil euros -, sem recurso a qualquer empréstimo bancário e auferindo um rendimento anual declarado nas Finanças que foi inferior a 250 euros (50 contos).
Ora vejam lá como a senhora deve ter sido poupadinha durante toda a vida.
Com um rendimento anual de 50 contos, que nem dá para comprar um mínimo de alimentação mensal, ainda conseguiu juntar 224.000 euros para comprar um apartamento de luxo, não em Oeiras ou Almada, na Picheleira ou no Bairro Santos, mas no fabuloso edifício Heron, no nº40, da rua Braamcamp, a escassos metros do Marquês de Pombal e numa das mais nobres e caras zonas de Lisboa.
Notável exemplo de vida espartana que permitiu juntar uns dinheiritos largos para comprar casa no inverno da velhice.
Vocês lembram-se daquela ideia genial do Teixeira dos Santos, que queria que pagássemos imposto se dessemos 500 euros aos filhos ?
Quem terá ajudado, com algum cacau, para que uma cidadã, que declarou às Finanças um RENDIMENTO ANUAL de 50 contos, pudesse pagar A PRONTO, a uma sociedade OFFSHORE, os tais 224.000 euros ?

*A VERDADE DEVIA SER APURADA. !!!!! O milagre da Dona Adelaide...

A mamã Adelaide e a misteriosa *pensão superior a 3000 euros*

Divorciada nos anos 60 de Fernando Pinto de Sousa, "viveu modestamente em Cascais como empregada doméstica, tricotando botinhas e cachecóis...".(24 H)

Admitamos que, na sequência do divórcio ficou com o chalet (r/c e 1º andar) .

Admitamos ainda, que em 1998, altura em que comprou o apartamento na Rua Braamcamp, o fez com o produto da venda da vivenda referida, feita nesse mesmo ano.

Neste mesmo ano, declarou às Finanças um rendimento anual inferior a 250 €.(CM), o que pressupõe não ter qualquer pensão de valor superior, nem da Segurança Social nem da CGA.

Entretanto morre o pai (Júlio Araújo Monteiro) que lhe deixa "uma pequena fortuna, de cujos rendimentos em parte vive hoje" (24H).

Por que neste momento, aufere do Instituto Financeiro da Segurança Social (organismo público que faz a gestão do orçamento da Segurança Social) uma pensão superior a 3.000 € (CM), seria lícito deduzir - caso não tivesse tido outro emprego a partir dos 65 anos - que , considerando a idade normal para a pensão de 65 anos, a mesma lhe teria sido concedida em 1996 (1931+ 65). Só que, por que em 1998 a dita pensão não consta dos seus rendimentos, forçoso será considerar que a partir desse mesmo ano, 1998 desempenhou um lugar que lhe acabou por garantir uma pensão de (vamos por baixo): 3.000 €.

Abstraindo a aplicação da esdrúxula forma de cálculo actual, a pensão teria sido calculada sobre os 10 melhores anos de 15 anos de contribuições, com um valor de 2% /ano e uma taxa global de pensão de 80%.

Por que a "pequena fortuna " não conta para a pensão; por que o I.F.S.S. não funciona como entidade bancária que, paga dividendos face a investimentos ali feitos (depósitos); por que em 1998 o seu rendimento foi de 250 €; para poder usufruir em 2008 uma pensão de 3.000 €, será por que (ainda que considerando que já descontava para a Segurança Social como empregada doméstica e perfez os 15 anos para poder ter direito a pensão), durante o período (pós 1998), nos ditos melhores 10 anos, a remuneração mensal foi tal, que deu uma média de 3.750 €/mês para efeitos do cálculo da pensão final. (3.750 x 80% = 3.000).

Ora, como uma pensão de 3.000 €, não se identifica com os "rendimentos " provenientes da pequena fortuna do pai, a senhora tem uma pensão acrescida de outros rendimentos.

Como em nenhum dos jornais se fala em habilitações que a senhora tenha adquirido, que lhe permitisse ultrapassar o tal serviço doméstico remunerado, parece poder depreender-se que as habilitações que tinha nos anos 60 eram as mesmas que tinha quando ocupou o tal lugar que lhe
rendeu os ditos 3.750 €/mês.

Pode-se saber qual foram as funções desempenhadas que lhe permitiram poder receber tal pensão?

E há mais...

A Dona Adelaide comprou um apartamento na Rua Braamcamp, em Lisboa, a uma sociedade off-shore com sede nas Ilhas Virgens Britânicas, apurou o Correio da Manhã. Em Novembro de 1998, nove meses depois de José Sócrates se ter mudado para o terceiro andar do prédio Heron Castilho, a mãe do primeiro-ministro adquiria o quarto piso, letra E, com um valor tributável de 44 923 000 escudos - cerca de 224 mil euros -, sem recurso a qualquer empréstimo bancário e auferindo um rendimento anual declarado nas Finanças que foi inferior a 250 euros (50 contos).
Ora vejam lá como a senhora deve ter sido poupadinha durante toda a vida.
Com um rendimento anual de 50 contos, que nem dá para comprar um mínimo de alimentação mensal, ainda conseguiu juntar 224.000 euros para comprar um apartamento de luxo, não em Oeiras ou Almada, na Picheleira ou no Bairro Santos, mas no fabuloso edifício Heron, no nº40, da rua Braamcamp, a escassos metros do Marquês de Pombal e numa das mais nobres e caras zonas de Lisboa.
Notável exemplo de vida espartana que permitiu juntar uns dinheiritos largos para comprar casa no inverno da velhice.
Vocês lembram-se daquela ideia genial do Teixeira dos Santos, que queria que pagássemos imposto se dessemos 500 euros aos filhos ?
Quem terá ajudado, com algum cacau, para que uma cidadã, que declarou às Finanças um RENDIMENTO ANUAL de 50 contos, pudesse pagar A PRONTO, a uma sociedade OFFSHORE, os tais 224.000 euros ?

QUAL A DIFERENÇA ENTRE ESTES SUSPEITOS E ALBERTO JOÃO JARDIM, MOBUTU, ROBERT MUGABE, AL CAPONE?
NENHUMA!
AVERDADE DEVIA SER APURADA !!!!! PORQUE É QUE SÓ A ELITE POLÍTICA, SEM VERGONHA, NÃO É FISCALIZADA?
ESTA GENTE TEM QUE IR PRESA E ATIRADA AO MAR COM A CONSTITUIÇÃO, O CÓDIGO PENAL, OS ESTATUTOS DO PARTIDO, AS ACTAS DO PARLAMENTO, OS DISCURSOS DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, O LIVRO DE CHEQUES, PRESOS AO PESCOÇO.
A SARNA FERE-NOS A PELE, ESTA GENTE DESMORALIZA O PAÍS.
PARA QUANDO A TOMADA DA BASTILHA?

PORTUGUESES, UNI-VOS!

AERONAUTICAL ENGINEERING FOREVER

This also brings to mind the saying: When pigs can fly... This is, apparently, what retired Boeing design engineers do when they have too much free time on their hands. Unbelievable! It recalls a statement I heard many years ago: "With enough power, you can make anything fly". This also brings to mind the saying: When pigs can fly... This is, apparently, what retired Boeing design engineers do when they have too much free time on their hands.
video

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

BOLERO-RAVEL

A COREIA DO NORTE É AQUI ( ILHA DA MADEIRA)

SUA EDUCADA ALTEZA
"BASTARDOS,PARA NÃO DIZER FILHOS DA PUTA"
SUA QUASE AFRICANA ALTEZA
Tenho de pedir desculpa ao Alandroal por aqui ter escrito há quinze dias que me parecia chocante a percentagem de um funcionário municipal para cada 28 habitantes. Na pérola do Atlântico (ilha da Madeira), entre o seu gabinete, os dos sete secretários regionais, os dos 70 organismos públicos que eles criaram e mantêm e as autarquias, há 35.000 funcionários para servir 245.000 habitantes: um "jardinário" para cada 8 madeirenses. O dobro do número de funcionários dos Açores, com a mesma população, mas dispersa por nove ilhas e não por duas e muito mais distantes entre si. E mais de metade do número de funcionários das Canárias, ali ao lado, com sete ilhas habitadas e oito vezes a população da Madeira.
Para conseguir sustentar este exército privado de funcionários, Jardim vive a sugar dinheiro ao continente, até onde o deixam e mais além: quando lhe impuseram finalmente a obrigatoriedade de individamento zero, Sua Alteza inventou as "sociedades de desenvolvimento regional" que se endividam com o aval do Governo e servem, entre outros fins de utilidade púlica, para sustentar o Marítimo Futebol Clube, o clube da predilecção de Sua Alteza Insular, ou um pasquim chamado "Jornal da Madeira" (que é distribuido gratuitamente para ver se assim liquida o único concorrente e não alinhado), e onde Sua Alteza Querida é diariamente louvado ao melhor nível do outro Querido Líder asiático.
Eis o Estado Jardim. Eis como se ganham eleições eternamente. Há anos que me faço a mesma pergunta: porque é que a nossa democracia e o nosso pobre país têm de sustentar e engolir esta ruinosa fantochada democrática? Porque é que não há Presidente da República, nem primeiro-ministro, nem líder do PSD que não se ajoelhe perante Sua Exaltada Alteza? Têm medo que ele declare a independência? Pois que declare!
Por estes dias, Sua Alteza Revoltada anda histérico com a iminência de perder um dos privilégios que lhe advêm do privilégio de fazer leis de excepção a favor dos madeirenses: vai deixar de poder acumular a totalidade do vencimento de presidente do governo regional com a totalidade da sua pensão de 4124 euros (cuja revelação pela imprensa o levou na altura a classificar os jornalistas como "bastardos, para não dizer filhos da puta"). Esse privilégio, assim como o direito a uma subvenção vitalícia quando, enfim, cessar funções, aí pelo ano 2045, foram ambos banidos no início do Governo Sócrates, há 5 anos. Mas não na Madeira, onde Sua Educada Alteza tratou de se excepcionar e aos seus. Segundo anunciou, Sua Roubada Alteza vai então pôr em tribunal o que chama o Estado "ladrão", que se lembrou de repente que ele também era português e sujeito a compartilhar uma pequena parte dos sacrifícios comuns. Como habitualmente, o advogado deve ser o deputado Guilherme Silva, que costuma desempenhar essa curiosa dupla função de deputado nacional e advogado do governo regional. Ou, então, considerando que se está perante um roubo a um trabalhador, talvez o camarada dr. Garcia Pereira (esse mesmo, o da ditadura popular, que também costuma advogar a favor de Sua Quase Africana Alteza)
(Excerto de um texto do escritor Miguel Sousa Tavares publicado no semanário Expresso de 13 de Novembro de 2010).

BRASIL - SOBRE A VÍRGULA


Muito bonita a campanha dos 100 anos da ABI
(Associação Brasileira de Imprensa).

Vírgula pode ser uma pausa... ou não.
Não, espere.
Não espere..

Ela pode sumir com seu dinheiro.
23,4.
2,34.

Pode criar heróis..
Isso só, ele resolve.
Isso só ele resolve.

Ela pode ser a solução.
Vamos perder, nada foi resolvido.
Vamos perder nada, foi resolvido.

A vírgula muda uma opinião.
Não queremos saber.
Não, queremos saber.

A vírgula pode condenar ou salvar.
Não tenha clemência!
Não, tenha clemência!

Uma vírgula muda tudo.
ABI: 100 anos lutando para que ninguém mude uma vírgula da sua informação.

Detalhes Adicionais:
COLOQUE UMA VÍRGULA NA SEGUINTE FRASE:


SE O HOMEM SOUBESSE O VALOR QUE TEM A MULHER ANDARIA DE QUATRO À SUA PROCURA.



* Se você for mulher, certamente colocou a vírgula depois de MULHER...
* Se você for homem, colocou a vírgula depois de TEM...

UM NOVO PENSIONISTA


Marques Mendes - Novo Pensionista !

Aos 50 anos de idade e com 20 anos de descontos como Deputado, Marques Mendes acaba de requerer a Pensão a que tem direito, no valor mensal vitalício de 2.905 euros mensais. Contudo, um trabalhador normal tem de trabalhar até aos 65 anos e ter uma carreira contributiva completa durante 40 anos para obter uma reforma de 80% da remuneração média da sua carreira contributiva.

Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, aguentando pauladas, sacos de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz de sacudir as moscas...'

ELIXIR DA ETERNA JUVENTUDE?

video

SALDANHA SANCHES


A memória da última entrevista ao Económico. Com esta parte que diz tudo sobre a clarividência acerca da "crise da justiça" e o seu reflexo na corrupção:

"Como é que vê o facto de não ter sido decretada prisão preventiva a nenhum deles a não ser a Oliveira e Costa?
É essa a função principal do nosso Processo Penal: proteger essa gente.
Agora está a ser sarcástico.
Não, não. Estou a ser rigoroso. Está construído de forma que o objectivo do Código é a protecção dessa gente.
É um código viciado?
Completamente viciado. É um código que nos envergonha pelos resultados. Essa impunidade que o código garante é uma coisa que nos envergonha. O caso Madoff em Portugal seria impossível, mesmo que alguém resolvesse confessar tudo, e nunca o faria. Na América as pessoas confessam porque as consequências da não confissão são muito duras e apesar de tudo o menos mau é confessar. Em Portugal não são duras, mas mesmo que se confessasse o processo não duraria dois ou três meses. Duraria sempre muito mais, mesmo com o máximo de zelo do Ministério Público. Temos um Código do Processo Penal que é feito para proteger esse tipo de delinquência. Até protege em parte a outra delinquência, mas essa então, do colarinho branco, está totalmente protegida. Não me admiraria ver o Dr. Oliveira e Costa acabar absolvido. Não ficaria particularmente admirado. Sem falar no Dr. Jardim Gonçalves, que o mais provável é vir a ser absolvido.

Saldanha Sanches vai fazer falta.

FUTEBOL FRANCÊS

video

ASSESSOR E COVEIRO



Ora atentem lá nesta coisa vinda no Diário da República nº 255 de 6 de Nov:embro 2008

EXEMPLO 1


No aviso nº 11 466/2008 11 466/2008 (2ª Série), declara-se aberto concurso no I.P.J.

Para um cargo de "ASSESSOR", cujo vencimento anda à roda de 3500 EUR (700 contos).

Na alínea 7:... "Método de selecção a utilizar é o concurso de prova pública que consiste na

"... Apreciação e discussão do currículo profissional do candidato."



EXEMPLO 2


No aviso simples da pág. 26922, a Câmara Municipal de Lisboa lança concurso externo de ingresso para COVEIRO,

cujo vencimento anda à roda de 450 EUR (90 contos) mensais.



Método de selecção:

Prova de conhecimentos globais de natureza teórica e escrita com a duração de 90 minutos.

A prova consiste no seguinte:

1. - Direitos e Deveres da Função Pública e Deontologia Profissional;

2. - Regime de Férias, Faltas e Licenças;

3. - Estatuto Disciplinar dos Funcionários Públicos.

4. - Depois vem a prova de conhecimentos técnicos: Inumações, cremações, exumações, trasladações, ossários, jazigos, columbários ou cendrários.



5. - Por fim, o homem tem que perceber de transporte e remoção de restos mortais.

6. - Os cemitérios fornecem documentação para estudo. Para rematar, se o candidato tiver:

- A escolaridade obrigatória somará + 16 valores;

- O 11º ano de escolaridade somará + 18 valores;

- O 12º ano de escolaridade somará + 20 valores.



7. - No final haverá um exame médico para aferimento das capacidades físicas e psíquicas do candidato.


ISTO TUDO PARA UM VENCIMENTO DE 450 EUROS MENSAIS!


Enquanto o outro, com 3500!!! Só precisa de uma cunha.

Vale a pena dizer mais alguma coisa?!

Há que ter moralidade! Por estas e por outras, é que existem Coveiros cultos e Assessores burros ..

HUMOR EM TEMPO DE CRISE


A Freira e o taxista benfiquista

Uma freira faz sinal para um táxi parar.
Ela entra e o taxista não pára de olhar para ela.
- Por que você me olha assim?
Ele explica:
- Tenho uma coisa para lhe pedir, mas não quero que fique ofendida...
Ela responde:
- Meu filho,sou freira há muito tempo e já vi e ouvi de tudo.
Com certeza, não há nada que você possa me dizer ou pedir que eu ache ofensivo.
- Sabe, é que eu sempre tive na cabeça uma fantasia de ser beijado na boca por uma freira...
A freira:
- Bem, vamos ver o que é que eu posso fazer por você:
primeiro, você tem que ser solteiro, belenenses e também católico.
O taxista fica entusiasmado:
- Sim, sou solteiro, do Belém desde criança e até sou católico também!
A freira olha pela janela do táxi e diz:
- Então, páre o carro ali na próxima travessa.
O carro pára na travessa e a freira satisfaz a velha fantasia do taxista com um belo beijo na boca.
Mas, quando continuam para o destino, o taxista começa a chorar.
- Meu filho, diz a freira, porque estás a chorar?
- Perdoe-me, Irmã, mas confesso que menti. Sou casado, do Benfica e sou protestante.
A freira conforta-o:
- Não faz mal. Eu também estou a caminho de um baile de máscaras. Chamo-me Alfredo... e sou Portista

ISTO SIM, É ASSOBIAR

video

Dia do não fumador





Fotos de: Eduardo Almeida e Jorge Costa

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Chupas de Portugal

Clicar sobre a foto

AGUARELAS E PASTEL DO PINTOR NUNO DAVID


VISITE AS PÁGINAS DESTE BLOGUE, PUBLICADAS NO PASSADO DIA 12, PARA CONHECER A ARTE DESTE PINTOR LUSO-ANGOLANO.

mozart - dies irae

RECEITA PARA SALVAR A SEGURANÇA SOCIAL


Apreensivos, ouvimos, a cada instante, políticos e economistas afirmar que o ESTADO SOCIAL está à beira do fim. A Segurança Social, tal como está, sem soluções, caminha para o colapso. Dentro de pouco tempo, será impossível ao Estado garantir as pensões de reforma, devendo, por isso, cada um procurar soluções alternativas na Banca e Seguradoras.
Afinal, o fim parece não ser uma inevitabilidade.
A Suiça, um dos países mais ricos do mundo, vem dizer-nos que há soluções. Basta coragem por parte dos políticos para evitar a catástrofe social que a falência da Segurança Social provocaria.
E como? Simples!
O governo suiço limitou a comparticipação do Estado para as pensões de reforma a um tecto de 1700 euros, independentemente daquilo que os suiços descontaram ao longo da vida de trabalho. Recusa também pagar mais de uma pensão por cidadão, ou seja, a sua acumulação.
A quem achar insuficiente este valor, restarão sempre soluções alternativas. O recurso aos PPR (planos poupança reforma), feitos em qualquer instituição financeira, será uma delas.
Deste modo, afirma o governo suiço, serão garantidas pensões mínimas a todos os cidadãos, uma redistribuição mais equitativa da riqueza do país, evitar-se-à a destruição da Segurança Social Suiça, ao mesmo tempo que se dinamizará o mercado financeiro.
Um bom exemplo a seguir por Portugal, onde os políticos, e não só, acumulam 2 e 3 pensões principescas, pondo em causa a sobrevivência da Instituição cuja função é garantir a todos uma reforma sem precalços.

BRUNO NOGUEIRA E O PROFESSOR MARCELO REBELO DE SOUSA










http://sorisomail.com/email/46079/bruno-nogueira-e-professor-marcelo-rebelo-de-sousa.html

ESTE PAÍS NÃO É PARA VELHOS


Os ricos que espoliam o Estado ignoram estas existências. Nada lhes tira o sono.

Clara Ferreira Alves (www.expresso.pt)

0:00 Quinta feira, 11 de Novembro de 2010

Vi Mrs. Thatcher na televisão. 85 anos. Estava a chegar a casa depois de ter tido alta do hospital onde esteve internada. Bem vestida, bem penteada, Margaret Thatcher mal se equilibrava nas pernas; amparada por um homem e uma mulher, esboçou um sorriso alquebrado, um sorriso de quem não sabe muito bem o que está a acontecer, onde, quando, porquê. O sorriso de uma pessoa diminuída, doente. Apesar dos cuidados que recebe, e do cuidado posto naquela apresentação e imagem, a Dama de Ferro sofre de demência e sofreu vários AVC. Há quem diga que tem Alzheimer. Não interessa muito o que Mrs. Thatcher tem. Envelheceu. Envelheceu perdendo a força e a lucidez. Sem saúde e sem autonomia, mobiliza um batalhão de pessoas porque é um monumento nacional. E porque tem um passado e fortuna que lhe garantem uma velhice com dignidade e com assistência. Olhando os olhos parados vemos como a velhice é um estado de dureza e privação e como é preciso muita coragem para estar dentro da velhice sem precisar dos outros e de dinheiro.


Um velho pobre é uma abominação. É uma condenação à solidão, à doença, à miséria e à injustiça. Um velho pobre é invisível aos olhos ingratos da sociedade. Certa gente abandona os seus velhos à porta dos hospitais e parte para nunca mais voltar. Outra gente abandona-os num lar imundo e paga uma mensalidade para nunca mais os visitar. Conheci uma velha que há mais de 30 anos não via os filhos e os netos. Ninguém se ocupava dela e apesar disso conseguia gracejar sobre o seu estado e destituição. Temos crueldades para com os velhos impensáveis em sociedades como a chinesa, onde se honram os antepassados, ou a árabe, onde os pais são cuidados pela família alargada. Portugal é um país cruel com os seus velhos, desleixa-os, abandona-os e esquece-os. O Estado tem, a seu modo, cumprido essa função de velar pelos cidadãos que não podem velar por si.


Este Orçamento do Estado é cruel para com os velhos e reformados, os das esqueléticas pensões, os destituídos. Os velhos com direito a um Complemento Solidário do Idoso, os que têm rendimentos até 5 mil euros por ano (como é que alguém vive com este dinheiro?) ou rendimentos conjugais de cerca de 8 mil euros, não têm direito a sigilo bancário e são inspecionados e fiscalizados. Os filhos são inspecionados. Os velhos pobres, que não têm conforto nem dignidade assegurados, há muito que prescindiram de muita coisa nas suas vidas. O seu cabaz de compras há muito foi diminuído.


Prescindiram de ter dentes ou tratamentos dentários. O cheque-dentista é impossível de obter e a maioria nem sabe que existe. Prescindiram de ver televisão por cabo, viveram quase a vida toda num mundo a preto e branco. Prescindiram de caminhar nas ruas da cidade porque nos socalcos e empedrados as quedas põem ser fatais. Prescindiram de comer fruta fresca, aguentando-se com a fruta sovada da mercearia ou com uma peça de fruta por semana. Prescindiram de comer peixe porque não têm dinheiro para a iguaria. O carapau e a cavala nem sempre aparecem ou têm distribuição nos bairros. Prescindiram do hipermercado porque não têm carro e fica longe. Prescindiram de tratar o reumatismo, a osteoporose, a hipertensão, a gota, o colesterol, a tiroide. Não têm dinheiro para a farmácia. Prescindiram do sono. Prescindiram de ir ao cinema porque é caro. Prescindiram de ir ao teatro porque é ainda mais caro. Prescindiram de fazer exercício físico porque o ginásio é um luxo de ricos, incluindo velhos ricos. Prescindiram da fisioterapia. Prescindiram das análises clínicas. Prescindiram do bife trocado pela carne de cozer. Prescindiram do cabeleireiro porque é um luxo. Prescindiram de ter um animal doméstico porque não têm dinheiro para o alimentar e vacinar. Prescindiram do café porque é uma despesa. Prescindiram de comer em restaurantes porque o gesto lhes consumiria a pensão. Prescindiram de visitar os amigos e parentes que estão longe porque não têm dinheiro para o transporte. Prescindiram de comprar óculos. Prescindiram de ler o jornal, tricotar, fazer croché. Prescindiram de viajar porque a única viagem que esperam será no caixão para o cemitério. Prescindiram de quase tudo o que traz um rasto de alegria e um módico de felicidade. Conversam uns com os outros num país de velhos.


Na solidão das casas e dos quartos, aguardam a chegada do inverno e do frio que lhes rói os ossos porque não têm dinheiro para as faturas da eletricidade. Alguns morrerão gelados ou da gripe. Prescindiram do banho quente. Quem não conhece estes velhos não conhece o pobre país que temos. Obrigá-los a pagar uma fatia, mínima que seja, do orçamento, é uma obscenidade. Fiscalizá-los também. Lá em cima, no assento etéreo, os ricos que espoliam o Estado ignoram estas existências. Nada lhes tira o sono.

OS PRIMEIROS PASSOS

video

SALVEM OS MILIONÁRIOS

video

CRIANÇAS COM CANCRO


Mesmo não tendo, podes passar a quem tenha a máquina de café Nespresso ??????

Venho solicitar a vossa ajuda para um novo 'projecto' com as crianças do IPO.
Pretendemos recordar a importância de reaproveitarmos os materiais a custo zero com uma actividade criativa.
Um dos objectivos é fazer uma árvore de Natal.
Vamos fazer esculturas com cápsulas Nespresso usadas /recicladas!
Juntem as vossas cápsulas usadas num saco ou caixa.
Para este trabalho também aceitamos telas de qualquer tamanho.
Os sacos podem ser deixados na Acreditar (Rua do IPO), enviados em cx próprias dos CTT, ou acordar comigo o modo de entrega.
Obrigado a todos.

Contactos:
Pedro Bello
bello.pedro@hotmail.com
telemóvel: +351 916852874 +351 916852874

ou
ACREDITAR
A/C Filipa Carvalho
Rua Prof. Lima Basto, 73
1070-210 LISBOA
Tlfn: + 351 217 221 150 + 351 217 221 150
E-mail:fc@acreditar.pt


PS: Felizmente, a maioria de vós não sabe o que é o dia a dia de uma criança com cancro e, estou a pedir pouco mais do que nada para as distrair. Divulguem sff.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

FUTEBOL CLUBE DO PORTO

video

MERCEDES S 450 CDI - REVOLTEM-SE!


QUE LINDO EXEMPLO ! O tal carro novo que compraram para as obrigações protocolares

Depois da ressaca das novas medidas de austeridade que vêm aí ,os nossos governantes pedem poupança contenção e que façamos mais uma vez sacríficos.
Nem deixam assentar a poeira, adquirem de rajada uma viatura para convidados do Estado. Um Mercedes S450CDI no valor de 140.876 euros . A explicação dada, foi pelo custo de manutenção da anterior viatura e obrigações protocolares.

Um cidadão normal que tenha um carro antigo e a precisar de uma revisão geral o que faz? Não brinquem connosco. Se não temos dinheiro e estamos em restrições alugue-se um carro por uns dias ou compre-se um carro híbrido e mais em conta. Receber com dignidade não é o mesmo que sumptuosidade.

É uma vergonha! Depois queixem-se , o povo - «o povo é sereno» - tem que acordar para isto e muito mais. Esta noticia veio a lume, mas haverá outras peripécias que não se sabem. Definitivamente o exemplo não vem de cima e assim não vamos lá.
O Presidente da República deveria inviabilizar esta compra. Devido à cimeira da NATO compramos carros, e por outro lado são estes senhores europeus que nos mandam apertar o cinto. Um verdadeiro paradoxo...

Não seria vergonha nenhuma pedir um carro emprestado à Europa para as nossas obrigações protocolares.
Que dirão a maioria dos portugueses que gostariam de trocar de carro e não têm possibilidades para isso. Não há dinheiro não há gastos.
Este episódio mostra a nossa cultura permissiva - «quanto mais me bates mais gosto de ti» - mas que deve ser denunciada e condenada

DIVULGUEM E REVOLTEM-SE.

Coro Esclavos Hebreos (Va Pensiero), Verdi - Coro UdeC

A AJUDA DO BANQUEIRO


O BANQUEIRO



Certa tarde, um famoso banqueiro ia para casa, instalado na sua enorme limousine, quando viu dois homens à beira da estrada a comer relva.
Ordenou ao seu motorista que parasse e, saindo, perguntou a um deles:
- Porque estão a comer a relva?
- Não temos dinheiro para comida.. - disse o homem - Por isso temos que comer relva.
- Bem, então venham à minha casa e eu lhes darei de comer - disse o banqueiro.
- Mutio obrigado, mas tenho mulher e dois filhos comigo. Estão ali, debaixo daquela árvore.
- Que venham também - disse novamente o banqueiro. E, voltando-se para o outro homem, disse-lhe:
- Você também pode vir...
O homem, com uma voz muito sumida disse:
- Mas, senhor, eu também tenho esposa e seis filhos comigo!
- Pois que venham também. - respondeu o banqueiro.
E entraram todos no enorme e luxuoso carro.
Uma vez a caminho, um dos homens olhou timidamente o banqueiro e disse: - O senhor é muito bom. Obrigado por nos levar a todos!
O banqueiro respondeu:
- Meu caro, não tenha vergonha, fico muito feliz por fazê-lo! Vocês vão ficar encantados com a minha casa... A relva está com mais de 20 centímetros de altura!

Moral da história:
Deve-se ter cuidado com as ajudas bancárias.

A ADIVINHA DO DIA


0 - Tem um processo em curso de investigação

1 - Negou coisas que o seu chefe disse

2 - Esteve muito ligado ao PSD

3 - Sabe fazer umas cantarolas

4 - Também sabe jogar golfe

5 - Desde há uns meses nunca mais se ouviu falar dele

· quem será ????

Resposta:

- Dias Loureiro!...

A viver actualmente à grande e à fartazana em Cabo Verde.

É o dono do maior Resort Turístico da Ilha do Sal...

( ... é aquela ilha, daquele país africano onde o BPN criou umas "sucursais" e um banco mais ou menos virtual, com que se faziam umas operações de lavagem
e fugas ao fisco, etc. etc... )

PS: Se reparaste, ninguém mais falou no nome do menino: nas notícias é referido só o Oliveira Costa "e outros arguidos"... sem nomear este...

O que nos leva a pensar tal "esquecimento"..?

Como vês é fácil fazer esquecer um roubo superior a mais de 4 mil milhões de euros, quando se tem amigos...nos sítios certos.... _______________________________ até em Belém!

Vá passando para que Cavaco Silva, actual Presidente da República ( e candidato a Presidente da República para novo mandato) e todos os outros esquecidos, se lembrem destes antigos ministros!...

O ADVOGADO E O RÉU ESTÚPIDO


ADVOGAR EXIGE RACIOCÍNIO RÁPIDO, INTELIGÊNCIA E CLIENTE ESPERTO.

Em Minas, Bruno estava sendo julgado por assassinato...

Havia evidências indiscutíveis sobre a culpa do réu, mas o cadáver não aparecera.

Quase ao final da sua sustentação oral, o advogado, temeroso de que seu cliente fosse condenado, recorreu a um truque:

- "Senhoras e senhores do júri, senhor Juiz, eu tenho uma surpresa para todos!"

- disse o advogado olhando para o seu relógio...

- "Dentro de dois minutos, a pessoa que aqui se presume assassinada, entrará na sala deste Tribunal."

E olhou para a porta.

Os jurados, surpresos, também ansiosos, ficaram olhando para a porta.

Decorreram-se dois longos minutos e nada aconteceu.

O advogado, então, completou:

- "Realmente, eu falei e todos vocês olharam para a porta com a expectativa de ver a suposta vítima. Portanto, ficou claro que todos têm dúvida neste caso, se alguém realmente foi morto. Por isso insisto para que vocês considerem o meu cliente inocente". (In dubio pro reo) na dúvida a favor do réu.

Os jurados, visivelmente surpresos, retiraram-se para a decisão final.

Alguns minutos depois, o júri voltou e pronunciou o veredicto:

- "Culpado!"

- "Mas como?" perguntou o advogado... "Eu vi todos vocês olharem fixamente para a porta, é de se concluir que estavam em dúvida! Como condenar na dúvida?"

E o juiz esclareceu:

- "Sim, todos nós olhamos para a porta, menos o Bruno..."
"MORAL DA HISTÓRIA:"

"NÃO ADIANTA SER UM BOM ADVOGADO
SE O CLIENTE FOR ESTÚPIDO ".

A ARTE DO VIOLÃO

video

UM PAÍS POSITIVO


É pena não haver o hábito de contar coisas positivas!

A contrariar a tendência do que se escreve nos últimos tempos. Até que enfim, que há um Português que diz bem de Portugal.

_________________________________________________________________

"EU CONHEÇO UM PAÍS..."

Nicolau Santos
, Director - adjunto do Jornal Expresso, In Revista "Exportar"



Eu conheço um país que tem uma das mais baixas taxas de mortalidade mundial de recém-nascidos, melhor que a média da UE.

Eu conheço um país onde tem sede uma empresa que é líder mundial de tecnologia de transformadores.

Eu conheço um país que é líder mundial na produção de feltros para chapéus.

Eu conheço um país que tem uma empresa que inventa jogos para telemóveis e os vende no exterior para dezenas de mercados.

Eu conheço um país que tem uma empresa que concebeu um sistema pelo qual você pode escolher, no seu telemóvel, a sala de cinema onde quer ir, o filme que quer ver e a cadeira onde se quer sentar.

Eu conheço um país que tem uma empresa que inventou um sistema biométrico de pagamento nas bombas de gasolina.

Eu conheço um país que tem uma empresa que inventou uma bilha de gás muito leve que já ganhou prémios internacionais.

Eu conheço um país que tem um dos melhores sistemas de Multibanco a nível mundial, permitindo operações inexistentes na Alemanha, Inglaterra ou Estados Unidos.

Eu conheço um país que revolucionou o sistema financeiro e tem três Bancos nos cinco primeiros da Europa.

Eu conheço um país que está muito avançado na investigação e produção de energia através das ondas do mar e do vento.

Eu conheço um país que tem uma empresa que analisa o ADN de plantas e animais e envia os resultados para os de toda a EU.

Eu conheço um país que desenvolveu sistemas de gestão inovadores de clientes e de stocks, dirigidos às PMES.

Eu conheço um país que tem diversas empresas a trabalhar para a NASA e a Agência Espacial Europeia.

Eu conheço um país que desenvolveu um sistema muito cómodo de passar nas portagens das auto-estradas.

Eu conheço um país que inventou e produz um medicamento anti-epiléptico para o mercado mundial.

Eu conheço um país que é líder mundial na produção de rolhas de cortiça.

Eu conheço um país que produz um vinho que em duas provas ibéricas superou vários dos melhores vinhos espanhóis.

Eu conheço um país que inventou e desenvolveu o melhor sistema mundial de pagamento de pré-pagos para telemóveis.

Eu conheço um país que construiu um conjunto de projectos hoteleiros de excelente qualidade pelo Mundo.



Eu Luís Pirão, acrescento mais uns pontos à lista do Nicolau Santos:

- Eu conheço um país que é segundo em net de banda larga na Europa.

- Eu conheço um país que tem uma capital com eventos culturais fantásticos que fazem frente a qualquer cidade do mundo. Que tem potencialidades turísticas ilimitadas com restaurantes para todas as carteiras e com comida deliciosa, assim como alojamento para todas as bolsas e de razoável qualidade. Basta ir a Londres e ver toda a gente a comer sandwiches no jardim pois a alimentação atingiu preços exorbitantes nos restaurantes.

- Eu conheço um país com uma história ímpar que ligou todos os continentes comercialmente pela primeira vez na história da humanidade no século XVI.

- Eu conheço um país que tem a sua selecção de futebol neste mês de Maio no 3.º lugar do ranking mundial em mais de 200 nações, só o Brasil e a Espanha estão à frente com poucos pontos de diferença.

- Eu conheço um país que conquistou meio mundo no século XVI com base no respeito pelos outros povos, com base nas trocas comerciais, com base na diplomacia. Alguém se lembra da chacina que a Espanha fez aos Incas e Astecas na mesma época na América?

- Eu conheço um país que conseguiu relançar relações cordiais com as suas ex-colónias apesar de ter terminado uma guerra há pouco mais de 30 anos causada pela cegueira de um líder chamado Salazar e pelos seus militares de topo, excepto Spínola.

- Eu conheço um país que venceu os seus compatriotas espanhóis pela força de vontade de um homem chamado Nuno Alvares Pereira e que permitiu a paz para a nação se lançar nos descobrimentos marítimos.

- Eu conheço um país que acolheu os templários numa época em que a cegueira de um papa e das nações católicas os escorraçaram de toda a Europa e vieram parar a Tomar onde a ordem dos templários foi transformada em ordem de Cristo para tapar os olhos ao papa. Alguém consegue adivinhar o que estava reservado a esse país com essa atitude para com os cavaleiros do templo (templários)? Conhecimentos de navegação marítima e dinheiro para essa nação ser a primeira do mundo a ligar todos os continentes.



Eu José Lopes, acrescento mais uns pontos à lista do Nicolau Santos e do Luís Pirão:

- Eu conheço um País que está a criar um medicamento que previne e combate a obesidade.

- Eu conheço um País que produz os melhores sapatos do mundo.

- Eu conheço um País que produz os fatos usados na Fórmula 1 e nos astronautas da NASA.

- Eu conheço um País que produz o melhor software de GPS do mundo.

- Eu conheço um País que faz os melhores lasers do mundo, utilizados na medicina e na indústria aeroespacial.

- Eu conheço um País que tem um monumento que tem 6 orgãos, sendo o único no mundo (Convento Mafra).

- Eu conheço um País que produz os adereços utilizados pela indústria cinematográfica de Hollywood.

- Eu conheço um País que tem a maior variedade gastronómica do mundo.

- Eu conheço um País que produz os melhores caiaques do mundo (campeões olímpicos).

- Eu conheço um País que criou a única palete de cores para leitura de daltónicos.

- Eu conheço um País pequeno que tem duas línguas oficiais e uma cultura distinta entre as diferentes regiões.

Etc…



O leitor, possivelmente, não reconheceu neste país aquele em que vive...



P O R T U G A L !!!!



Mas é verdade.Tudo o que leu acima foi feito por empresas fundadas por portugueses, desenvolvidas por portugueses, dirigidas por portugueses, com sede em Portugal, que funcionam com técnicos e trabalhadores portugueses.

Chamam-se, por ordem, Efacec, Fepsa, Ydreams, Mobycomp, GALP, SIBS, BPI, BCP, Totta, BES, CGD, Stab Vida, Altitude Software, Out Systems, WeDo, Quinta do Monte d'Oiro, Brisa Space Services, Bial, Activespace Technologies, Deimos Engenharia, Lusospace, Skysoft, Portugal Telecom Inovação, Grupos Vila Galé, Amorim, Pestana, Porto Bay e BES Turismo.

Há ainda grandes empresas multinacionais instalada no País, mas dirigidas por portugueses, com técnicos portugueses, de reconhecido sucesso junto das casas mãe,como a Siemens Portugal, Bosch, Vulcano, Alcatel, BP Portugal e a Mc Donalds (que desenvolveu e aperfeiçoou em Portugal um sistema que permite quantificar as refeições e tipo que são vendidas em cada e todos os estabelecimentos da cadeia em todo o mundo ) .

É este o País de sucesso em que também vivemos, mas nós só falamos do País que está mal, daquele que não acompanhou o progresso. É tempo de mostrarmos ao mundo os nossos sucessos e nos orgulharmos disso.

Vamos mudar a nossa mentalidade para ajudarmos o nosso país que tanto precisa de nós, vamos dar o primeiro passo e falar coisas positivas e optimistas.


"O valor do Ser humano não é medido segundo aquilo que tem, e sim segundo aquilo que ele é."
" Se um dia tiver que escolher entre o mundo e o amor...Lembre-se!: se escolher o mundo, ficará sem o amor, mas, se escolher o amor, com ele conquistará o mundo! "
(Albert Einstein - Físico alemão, 1879-1955
EU ACRESCENTO:
O que está mal neste país não são os portugueses, são os políticos e a Justiça, que enxovalham tudo o que de bom faz quem pensa e quem trabalha!
AOC

OBRAS DO PINTOR NUNO DAVID-2ª parte